O tempo Voa: estudantes!!

Prefeito Barreto recebendo  estudantes do Colégio Nossa Senhora da Graça – década de 1970

Publicado em O Tempo Voa, Sem categoria | Deixar um comentário

Zezé do Forró em Pot Pourri.

CD de Zezé do Forró -  Pot Pourri ESQUENTA MORENINHA e Cair na Brincadeira - autoria Assisão, Genaro e Evaldo Lima, respectivamente. Esquenta Moreninha - Cair na Brincadeira - Zezé do Forró Aldenisio Tavares
Publicado em Vitória dos Artistas | Deixar um comentário

AFETO E LIMITE – por Sosígenes Bittencourt.

Um cidadão me encontrou numa churrascaria e me revelou que havia gostado tanto de uma mulher que gastou tudo o que tinha. Vendeu o gado, o sítio, veio morar na cidade, tudo para gastar com a mulher que adorava. Depois, reduzido a uma caminhonete velha, a mulher o deixou.

Quer dizer, se ela não o queria com tudo que tinha, imagine sem nada do que tinha. Ou seja, ele, por excessivo afeto (afetado pelo afeto), por não impor limites à paixão, nunca percebeu o pecado que cometia. Daí, o castigo advindo.

Afetuoso abraço!

Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Momento Pitú: Viva a Resenha!!

A galera mirou na tiração de onda e acertou em cheio na resenha. Sem falar que colocaram o nome do grupo de “confra dos safadinhos”. Isso que é homenagem! #PitúÉResenha.

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

Brasil: o segundo país mais desigual do planeta!!!!

O recente relatório da ONU, definitivamente, de maneira geral, desmente a “verdade” de que o Partido dos Trabalhadores governou para transforma a vida da população mais pobre do Brasil. Aqui e acolá teremos bons e pontuais exemplos -  não podermos negar. Esses dados não tem nada haver com o governo Bolsonaro, isso porque os mesmos  retratam o período anterior à posse atual mandatário.

O nosso Brasil é o segundo pior país do Mundo em desigualdade social. Essa informação é terrível. Se não bastasse, ainda caímos na classificação do IDH – Índice de Desenvolvimento Humano. Se antes os mais entusiasmados estufava o peito para dizer que no futebol éramos o melhor, hoje, não vale: estamos na terceira posição. Já na macroeconomia, estamos bem!! Ostentamos o oitavo lugar no cenário mundial - já fomos melhores.

O nosso solo pátrio é um paraíso para os ricos e um  inferno para os pobres. Basta dizer que para os bandidos de colarinho branco a cadeia é apenas uma miragem (após trânsito em julgado), mas para  o meliante do pé rachado o cárcere é algo real e  quase “infinito” -  mesmo na chamada prisão temporária.

Na verdade, temos dois países bem definidos sob o brado do mesmo “Hino Nacional”. Abaixo da lupa histórica o tempo de hoje parece-nos ser é o mesmo da colonização, ou seja: os poucos ricos continuam ricos e os muito pobres devem continuar pobres, para fazer prosperar vossas riquezas.  Como colocar em prática aquilo que diz a nossa atual Constituição, no que se refere aos direitos e oportunidade iguais para todos?

Eis o desafio: colocar na cabeça do brasileiro “morador” do andar de baixo, em médio prazo,  que se faz necessário cobrar das autoridades que sejam construídas as “pontes” necessárias à mobilidade social.  Não existe saída coletiva fora da política!!! Esse é o “X” da  questão.

Vale lembrar: “SOMOS BRASILEIROS E NÃO DESISTIMOS NUNCA!!!

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Com o apoio da Pitú, Augusto Cesar encanta mais uma vez!!

Na tarde do domingo (08), o consagrado artista pernambucano  Augusto César apresentou-se mais uma vez na nossa cidade. Acompanhado pelo sempre entusiasmado Helder Neri, mais uma vez, o Engarrafamento Pitú garantiu o evento. Augusto é sucesso garantido por onde passa. Talentoso e atencioso com todos os fãs, sobretudo com o público feminino, nesse atual deserto de boas músicas, o nosso Augusto Cesar tem romantismos e carisma para inundar o Brasil inteiro!!!

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Carnaval 2020 – Vitória de Santo Antão.

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Momento Cultural: Ser Filha de Maria – por Corina de Holanda.

Ser “Filha de Maria” é ser na terra, Quase aquilo que os anjos são no céu; Viver do amor que só pureza encerra Contemplando a Jesus quase sem véu…

Ser d’Ele irmã, viver ao lado seu Na intimidade que o pavor desterra; Dizer: Meu bom Jesus, sois todo meu! Ao pecado eu declaro guerra.

É possuir dos títulos o mais belo. É ter, num traço azul, puro e singelo, Fonte perene de eternal poesia…

Ser “Filha de Maria”, é tanta cousa Sublime, tanta, que dizer não ousa, Por ser bem pobre a minha fantasia.

(Entre o céu e a Terra – 1972 – Corina de Holanda – pág. 37).

Publicado em Fim de Semana Cultural | Deixar um comentário

Momento FAMAM – Faculdade Macêdo de Amorim

Aqui, na FAMAM, você vale muito mais!. #escolhaFAMAM

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

O Tempo Voa: tomada de posse

 

Solenidade no Instituto Histórico da Vitória - sob a presidência da professora Eunice Xavier, a tomada de posse de novos sócios: dentre eles, Geraldo Lima, Zito Mariano, Sônia Galvão e Joel - registro: 30 de julho de 1998. 

Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário

Momento Pitú: Viva a Resenha!!

Galera, parece que o Natal chegou na Borracharia do Ivan, lá em São Paulo. E a decoração ficou tão caprichada, mas TÃO caprichada, que merece até um salve da #NaçãoPituzeira. Que resenha, viu?

 
Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Tempo de Renovação – por Sosígenes Bittencourt.

Se hoje é dia de renovação e esperança, é dia de filosofar. Renovar é bom para nutrir esperança quando a renovação é inteligente, refletida sobre a experiência.

Existe uma lenda oriental que resume uma inteligente lição: Escreve o mal que te fizeram na areia, e o bem que recebeste na pedra.

Em resumo, hoje é dia de relembrar os bons momentos e drenar o lixo da memória.

Há, em Mateus – 6:22, um sapientíssimo conselho: São os olhos a lâmpada do corpo. Se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo será luminoso.

Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

“DEIXA” de Dorgival Soares.

Ouça a música “DEIXA“, de Dorgival Soares. Deixa - Dorgival Soares Aldenisio Tavares
Publicado em Vitória dos Artistas | Deixar um comentário

Aniversário: 3 anos do grupo de corrida “Vapor da Vitória”….

Criado há três anos na nossa cidade o Grupo de Corrida “Vapor da Vitória” juntou o pessoal para cortar o bolo e entoar o tradicional “parabéns pra você”. Em clima de festa e confraternização o novo padrão foi exibido nas ruas da cidade com total vibração. Aliás, nessa modalidade esportiva a palavra vibração conjuga naturalmente com o sentimento de superação.

O grupo concentrou no Pátio da Matriz para seguir numa corrida básica pelas principais ruas da nossa cidade. Após rápidas palavras dos administradores  – Vapor da Vitória -, realçando os princípios pelos  quais  o grupo foi criado, o membro Edson, visivelmente emocionado, dimensionou à importância do grupo na transformação da sua vida.

Correr é uma atividade saudável e, paradoxalmente, viciante. Vencer é uma opção. Saindo  do sedentarismos a pessoa já avançou na frente de todos aqueles que lá permaneceram, já merecendo assim a primeira medalha!!

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Mais uma confraternização dos peladeiros!!!!

Nutrida pelo sentimento da convivência de décadas atrás, quando um determinado grupo de jovens se juntavam todos os finais de semana para “bater uma pelada”, ontem (08), mais uma vez, como já vem ocorrendo há vários anos consecutivos, a “Confraternização dos Peladeiros” manteve a tradição.

Na abertura do evento, por assim dizer, a bola rolou. É bem verdade que a mesma  não tão “redonda” como antes, mas deu para cumprir o objetivo. Esse ano, nossas lentes registraram o gol de Tobe.

Em seguida, seguiu-se para o momento o mais esperado por todos – “comes e bebes”. Entre boas lembranças, brincadeiras e companheirismo o evento cumpriu seu papel por mais um ano. Que venha 2020!!!

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Show de Prêmios: Paróquia de Santo Antão

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Momento FAMAM – Faculdade Macêdo de Amorim.

Fazer o acompanhamento regular da gestação é importante por inúmeros motivos. Dentre eles, receber a orientação adequada sobre as vacinas necessárias para esse período. Primeiro, porque o sistema imunológico da mulher tende a ficar mais vulnerável, sendo mais fácil adoecer e, segundo, porque o bebê, até um ano de vida, defende-se de infecções usando os anticorpos recebidos da mãe. Algumas vacinas recomendadas nesse período são da gripe, hepatite B e tríplice bacteriana.

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Momento Cultural: Amar – por João do Livramento.

Não afirme o que é o amor

Nada diga e nada fale

Se você ainda vive

É melhor então que cale

Se está vivo não sentiu

O perfume da ilusão

Embebido no amor

Exalado na paixão

A quem indaga o que é o amor

Não preciso responder

Mostro apenas uma flor

Todas nascem pra morrer

Ah, essa morte é enganadora

E de amor tem apelido

Cabelos longos, corpo belo

Escondido num vestido

Me enganou o coração

Me enganou o pensamento

Quando achei que estava vivo

Já morrera há muito tempo

Mas se nascesse novamente

Ao início eu voltaria

Sem amor não sei viver

E assim amando morreria.

João do Livramento.

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

O Tempo Voa: Rua Dr José Rufino Bezerra – “Principal do Cajá”.

Parte da Rua Doutor José Rufino Bezerra – um dos dois vitorienses que governou  Pernambuco – registro da década de 70. 
Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário

Momento Pitú: Viva a Resenha!!

A nova embalagem do Kit Caipirinha ficou tão bonita que merece um brinde! Se eu fosse tu, num perdia a chance de dar esse presente no fim de ano. Dá até pra escutar A Vida É Uma Festa direto do QR Code que vem nela. Corre lá no site www.lojaonline.pitu.com.br e aproveita essa resenha. #PitúÉResenha

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Pensando na vida – por Sosígenes Bittencourt.

Sou do tempo em que havia tempo de acompanhar a réstia do sol e contar estrelas. Sou do tempo em que o coral dos grilos orquestrava a sonoplastia das estrelas. Minha avó Celina botava perfume e penteava os cabelos para ouvir o jogo do Sport Club do Recife pelo rádio.

Eu queria passar o final do ano em Boa Viagem. Diz que tem muita lâmpada colorida, fogos de artifício, Jingle Bells, tanta mulher bonitinha e cheirosa que o coração fica pinotando de alegria. O mar roncando surdo e o vento assanhando o cabelo. Ficar de cara pra cima, vendo os arranha-céus. Ali mora uma família. Mas, tenho medo de assaltante. Talvez, eles queiram nos matar.

Eu estava conversando lorota. Um vendedor de picolé me apareceu.

– Chupe um picolé para me ajudar, professor.

– Eu posso até lhe ajudar, não sou obrigado a chupar coisa alguma.

A outra, foi assim: – Professor, eu quero um dinheiro para ir pra Caruaru.

– Se eu pudesse, eu iria pra Caruaru com você. Contudo, o que é que você vai fazer em Caruaru?

Todo final de ano, a gente bota pra pensar nos mortos. Às vezes, naqueles que vão nascer. Até os que nem estão no ventre. Em verdade, ficamos pensando no vir-a-ser. Quem danado sabe o que vai acontecer? Um dia, fomos espermatozóide e óvulo. Um dia, estaremos num jazigo.

A morte é uma instituição democrática, fundada pelo tempo. Ninguém tem o direito de reclamar. Todos têm o direito de receber. Nunca mais eu fui ao cemitério. Ali, ensurdecem os que viveram, amaram e odiaram como nós, que seremos ossos, sem servir de conselho. Ontem, eu vi passar um enterro. As pessoas nunca tomam a morte como exemplo. Vivem pensando na vida.

Nesses dias, chega o Carnaval. O tempo é breve. No meu tempo, a gente pintava a cara e abria a porta para ver o caboclinho. Brincava de bisnaga. Relembrar é alongar a vida. Relembrar é abrir o livro de nossa história.

Eu nem sei a quem desejar um Próspero Ano Novo. Porém, mesmo assim, não custa nada desejar que você seja feliz, mesmo que não goste desta crônica.

Conversado abraço.

Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Toni Amorim: 50 anos de composições.

Toni Amorim -  disponibilizando a música “CIÚME, TEMPERO DO AMOR” de sua autoria, interpretada pelo também vitoriense Ricardo Rico. A música é integrante do álbum Toni Amorim: 50 anos de composições. Ricardo Rico - Ciúme, Tempero do Amor de Toni Amorim Aldenisio Tavares
Publicado em Vitória dos Artistas | Deixar um comentário

Edificações em cima da linha do trem: o “defunto” começou a voltar!!!

Repercutiu negativamente na grande imprensa do estado o ato insano do prefeito da cidade de Bom Jardim. O João Lira, político tarimbado e experiente, promoveu, recentemente,  na calada da noite, a demolição de parte do conjunto arquitetônico da antiga estação Ferroviária. Um verdadeiro atentado contra a memória histórica de Pernambuco, sobretudo no que diz repeito ao início do desenvolvimento daquela região.

Paralelo ao lamentável fato, na nossa Vitória de Santo Antão, a Justiça Federal ordenou a “exumação” de parte do patrimônio ferroviário local, enterrado, no início do milênio em curso,  pelo então prefeito José Aglailson -  pai do atual prefeito. Dessa vez o “defunto” está voltando.....Nas últimas décadas, de maneira geral,  os prefeitos  da nossa cidade ignoraram as boas regras administrativas, principalmente no se refere ao nosso patrimônio público.

Invasões e ocupações irregulares, na maioria das vezes incentivadas pelos dois grupos políticos que se revezam no poder,  virou uma das principais “moedas eleitorais" dos dois caciques políticos. Aliás,  fazer o errado e o mal feito, após sentar-se na principal cadeira do Palácio Municipal,  virou regra e não a exceção!!!

Pois bem, a “Estrada de Ferro de Pernambuco” foi inaugurada em 1885, pela empresa inglesa  Great Westem - trecho de Recife/ Jaboatão. Em nossas terras  a mesma chegou em 1886,  quando ainda o nosso lugar se chamava “Victoria”. Mais adiante, em 1950, a União incorporou a referida empresa que passou a se chamar RFN – Rede Ferroviária do Nordeste. Em 1957 a operação ficou por conta RFFSA. Em boa parte de Pernambuco os trens de passageiros deixaram de rodar em 1983. Assim sendo, em nossa cidade, os políticos cuidaram de ser “bonzinhos” e “populares” incentivando a população a edificar no espaço dedicado a linha do trem.

Os “construtores” beneficiados -  que não construíram enganados – foram na vantagem  e, agora,  começam a pagar o preço. Segundo informações a atual gestão, sob a mira da Justiça Federal,  terá que devolver a área do  entorno da Estação Ferroviária desocupada e requalificada. Ainda segundo informações a peça  - ROTUNDA – que está sendo desenterrada no Pátio da “Feira do Troca” é uma das duas únicas existentes no País.

Na manhã de hoje dei uma volta por lá. Comerciantes da localidade reclamaram da falta de informações sobre como o atua prefeito, Aglailson Junior, vem  tratando  essa questão,  no que se refere à falta de informações sobre a situação e o futuro deles. Uma coisa é certa: a Rotunda e boa parte da linha Férrea, inclusive com a “Ponte de Gaiola”, deverão ser desobstruídas e requalificadas..........Vamos aguardar os próximos capítulos dessa novela.....

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Carnaval 2020 – Vitória de Santo Antão.

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Momento Cultural: A Vaquejada – por STEPHEN BELTRÃO.

Hoje tem vaquejada,

Grita alegre o locutor,

Vamos derrubar o boi,

Mostrar o nosso valor.

Hoje tem festa de vaqueiro,

Vamos cantar, comer, aplaudir.

Rir da desgraça do bicho!

Não percam a melhor parte:

A hora que o boi cair.

Vamos tirar o couro do infortunado,

Fazer o animal correr assombrado.

Vamos colocá-lo para comer areia,

Ferrar a cara do danado.

Usar as esporas sem piedade,

Levantar o coitado pelo rabo.

Lembre-se: na hora da queda,

Quando o infeliz estiver esfolado

Sorria, você está sendo filmado!

Vamos dar um grande prêmio

À melhor parelha de vaqueiros.

Ao que nos der maior prazer,

Daremos medalha, troféu e dinheiro!

Vamos levar nossos filhos,

Apresentá-los os nossos festejos,

Mostrar como nós ficamos felizes,

Quando maltratamos os animais,

Mansos, inocentes e indefesos!

STEPHEN BELTRÃO  
Publicado em Fim de Semana Cultural | Deixar um comentário

Momento FAMAM – Faculdade Macêdo de Amorim

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

O Tempo Voa: Comércio

Panorama do Centro Comercial da Vitória - ano não registrado. 

Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário

Momento Pitú: Viva a Resenha!!

Meu povo, vocês tão arrasando demais nos registros com o #WS. Pessoal do Paraibano's Bar, valeu, viu? #PitúÉResenha

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Fazer e Querer – por Sosígenes Bittencourt.

É aí que relembro o filósofo Arthur Schopenhauer: “O homem pode fazer o que quer, mas não pode querer o que quer.”

A feminista pode exibir os seios, mas não pode exigir que ninguém os deseje. Exibição de seio não é um fato do qual se deduza valor, não é um fato que gere direito. Qualquer menção nesse intuito será mera imposição, macaquice de ditadura, degradação moral.

Um seio exibido a alguém é uma concessão, um seio exibido publicamente é uma imposição.

Você pode matar o seu vizinho, mas não pode querer ficar impune.

Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Tempo de Natal

Ouça a música de trabalho do CD “O Amor de Cristo nos uniu”. Tempo de Natal - vários artistas Aldenisio Tavares. 
Publicado em Vitória dos Artistas | Deixar um comentário