Preconceito Racial: INFORMAÇÃO E EDUCAÇÃO!!!

Hoje, 20 de novembro, foi o dia instituído por lei para “chamar” toda sociedade a refletir sobre o preconceito e à segregação racial no nosso País. A data – 20/11 – é uma referência direta ao dia atribuído à morte do líder da grande resistência, Zumbi do Palmares, ocorrida em 1695.

Em regra geral discriminação existe em todo e qualquer tipo de ajuntamento humano. Seja de maneira explicita ou velada. Imagino que desde que o “bicho humano”, motivado pelo sentimento da perda, sepultou o primeiro semelhante, deflagrando assim o entendimento de que não éramos iguais, sob o ponto de vista da existência, aos outros bichos (insepultos), nossas vidas passaram a ter “prazo de validade”.

Cônscio da sua finitude, até porque nesse momento ainda não se apregoava o conceito da “vida eterna”, muito menos dos “espaços” que fomos estimulados a materializa-los mentalmente, que os chamamos até hoje de céu e inferno, suponho que o ser humano passou a despertar para aquilo que atualmente entendemos por egoísmos. Suponho, ainda,  que tenha brotado desse sentimento (egoísmos) todos os tipos de preconceito que conhecemos hoje. Apenas suponho!!

O preconceito racial não é só uma questão de sentimento é também algo cultural, ensinado, instituído e até incentivado, muita das vezes silenciosamente em todos os quatro cantos da nossa aldeia global. Combatê-lo não é uma tarefa fácil e simples, muito pelo contrário é extremamente complexo. A “porta de saída”, certamente, estará sempre aberta na direção do conhecimento, sobretudo no histórico, antropológico e sociológico.

Ao olharmos pelo retrovisor para a construção do nosso Brasil logo entenderemos o motivo ou os motivos pelos quais, mesmo sem querer,  somos todos, pouco ou muito, consciente ou inconsciente, preconceituosos em potencial. No passado os negros que aqui chegaram, já na qualidade de prisioneiros dos seus irmãos negros do continente africano e vendidos como “bichos” aos donos dos  navios negreiros,  nem alma possuíam, segundo o entendimento dos europeus da época.

Com o passar dos séculos, em 13 de maio de 1888, por uma conjunção de fatores, sobretudo o econômicos, os sobreviventes de um dos  maiores crimes contra a humanidade (tráfico negreiros) de toda história, são alforriados por força da lei. Se pesquisarmos o grande debate travado nesse contexto, à época,  se deu por conta da insegurança jurídica, afinal o último suspiro da monarquia, com a Lei Áurea, desapropriou um patrimônio privado sem a devida contrapartida financeira.

Libertos em massa a comunidade negra que morava nas senzalas, providos das mínimas condições pelos seus “senhores”, sem instrução e totalmente estigmatizados socialmente foram obrigados a criar, sem a menor organização,  aquilo que hoje conhecemos como FAVELA. É bem verdade que cento e trinta anos depois muita coisa mudou. Mas os números sociais disponíveis não mentem –  lhe são adversos.

No momento atual, se bem estudado e analisado através das pesquisas e índices sociais, logo veremos o quanto nosso País ainda é devedor a toda essa comunidade  que verdadeiramente,  com a força do seu trabalho, construiu nossa nação.

Todos os tipos de combate ao preconceito racial são importantes e válidos. Mas não devemos ser caudatários de falácias e de novas segregações  no intuito  de  se combater o velho, danoso e perene preconceito racial.

De resto, sentencio: todo tipo de preconceito se combate e se vence com informação e educação. Viva o dia da Consciência Negra no Brasil!!

Publicado em A Lupa, Editorial | Deixar um comentário

Em Sessão Solene o nosso Instituto Histórico comemorou mais um aniversário.

Sob o comando do vice-presidente da casa, professor Hiram Gomes, o nosso Instituto Histórico e Geográfico da Vitória promoveu reunião solene para comemorar o seu 67º aniversário de fundação. O evento teve como conferencista o historiador Reinado Carneiro Leão, abordando o seguinte tema: formação dos primeiros engenhos na Vitória de Santo Antão.

Além da tomada de posse de três novos sócios a programação também contou a aposição de foto de três figuras vinculadas a instituição: Elmo Cândido Carneiro, Joca Neri e Padre Renato. Seus respectivos familiares usaram da palavra para agradecer. Veja os vídeos:

Também foram condecorados com o título de “Cidadão Vitoriense” dois diretores do Instituto Histórico: a escritora Luciene Freitas e o empresário Carlos Freire.

Ao final do evento, marcada pela ausência do presidente da instituição, professor Pedro Ferrer, que se recupera de uma intervenção cirúrgica nos olhos, na capital pernambucana, todos os presentes foram convidados ao coquetel,  para o corte  do bolo e cantar o tradicional “parabéns pra você”. Veja o vídeo:

Publicado em A Lupa, Editorial | Deixar um comentário

Parabéns para Alexandre Rogério!!!

Nossos parabéns de hoje seguem na direção do amigo contemporâneo e ativista social Alexandre Rogério,  face à virada de mais página natalícia no chamado calendário da vida. Não bastasse sua destacada atuação nos vários movimentos  sociais nosso amigo Alexandre é um autêntico carnavalesco vitoriense. Nesse dia especial, EVOÉ para você!!!

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

CineClube Avalovara

Anunciamos a vocês nossa sessão de Novembro – dia 26/11, uma parceria com o Instituto Histórico e Geográfico da Vitória de Santo Antão (IHGVSA), que estará promovendo entre os dias 24 e 29/11 a 5ª edição da Semana da Consciência Negra.
 
Os filmes escolhidos para esta sessão são os curtas-metragens “DEUS” (Vinícius Silva, 2016) e “NADA” (Gabriel Martins, 2017), ambos com uma linda trajetória no Brasil e no mundo. “DEUS” | Conheci Deus Ela É Uma Mulher Negra (2016)mescla documentário e ficção, história de uma mãe negra que batalha para criar o filho, sozinha, na periferia de São Paulo. O filme foi realizado por meio de uma campanha de financiamento coletivo, tendo grande repercussão antes mesmo de ter sido lançado. Agora ele está em circulação pelos cineclubes do Brasil, e nós teremos a honra de exibi-lo.
 
“NADA” (2017) conta a história de Bia, uma jovem que acaba de completar 18 anos e, com o fim de ano e a chegada do ENEM, está sendo pressionada para decidir qual curso ela vai se inscrever. Bia, no entanto, não quer fazer nada. “NADA” é estrelado por Clara Lima, a happer mineira Clarinha (17 anos), responsável também por parte da trilha sonora do curta. O filme foi exibido na Mostra Quinzena dos Realizadores, dentro do Festival Internacional de Cinema de Cannes, este ano, e nos foi cedido pelo próprio diretor.
 
Todas as pessoas estão convidadas para que participem não só da nossa sessão, mas também das outras ações do evento, que é completamente gratuito e com certificado de participação pela UFPE. Vocês podem conferir logo abaixo a programação completa.  
 
O Cineclube Avalovara tem apoio do Instituto Histórico e Geográfico de Vitória de Santo Antão (IHGVSA) e da Federação Pernambucana de Cineclubes (FEPEC).
 
PROGRAMAÇÃO
24/11 (sex), às 19h - Palestra com Adalberto Cândido - filho do líder negro da Revolta da Chibata - João Cândido (homenageado do evento).
Tema: História, Tradição e Memória como forma de resistência na diversidade étnica e cultural no Brasil atual.
 
26/11 (dom), às 17h - Sessão do Cineclube Avalovara, com exibição dos curtas-metragens "DEUS" (Vinícius Silva, 2016) e "NADA" (Gabriel Martins, 2017), e debate pós filme.
 
27/11 (seg), às 19h - Mesa redonda com os mestres Amâncio, Queixada e Courisco.
Tema: A Capoeira como instrumento de inclusão escolar e cidadania.
 
28/11 (ter), às 19h - Palestra com o antropólogo congolês Kabengele Munanga.
Tema: Estratégias e políticas de discriminação racial na educação brasileira, desafios e perspectivas da Lei 10.639/03, 14 anos depois.
 
29/11 (qua), às 19h - Palestra com o líder quilombola José Carlos, da comunidade de Castainho - Garanhuns.
Tema: Comunidades Quilombolas em Pernambuco - Memória e Resistência no século XXI.
 
SERVIÇO
Cineclube Avalovara Especial Consciência Negra
Classificação indicativa: Livre
Data e hora: 26/11/2017 (dom), às 17h
Local: Silogeu do IHGVSA
Entrada Franca
Publicado em Anúncios, Editorial | Deixar um comentário

V Semana da Consciência Negra do IHGVSA

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Momento Cultural: Condicional – por Stephen Beltrão

wtefan A vida movimentou-o, elevou-o à condição de menino querido, de si mesmo. Ajustou-o, fundiu-o ao som harmonioso das circunstâncias dos desabrigados. A vida trouxe o amor inconsciente dos desejos de sua alma. Domou-o, moldou-o à felicidade. Norteou-o na escuridão. Pág. 64
Publicado em Fim de Semana Cultural | Deixar um comentário

Momento PITÚ

Se não for pra encher o calendário de resenha eu nem começo o mês  #vivaaresenha
Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

O Tempo Voa: Aniversário da Vitória

Foto: acervo pessoal do blogueiro

Foto registrada durante a reunião solene do aniversário da nossa cidade, em maio de 2005. Na foto: Nozinho, Rubens de Deus, Severina Moura, Carlos Peres e Zito Mariano.

Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário

Momento Grau Técnico Vitória

Liberdade, Dignidade e Respeito andam juntas, sempre e em todo lugar, em todos os dias e para TODOS! #GrauTecnico #DiaDaConscienciaNegra

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Fragmentos – por Sosigenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

EU PRECISO TE ENCONTRAR – WATUSI

EU PRECISO TE ENCONTRAR Composição de Aldenisio Tavares e Samuka Voice Na Voz de WATUSI Arranjo de Sandro do Acordeon Gravação no SPG Studio de Samuka Voice
Publicado em Vitória dos Artistas | Deixar um comentário

Governador Paulo Câmara: muito econômico na sua agenda “administrativa” na Vitória de Santo Antão.

FOTO: CRISTIANO BASSAN

Durante o dia de ontem (16) o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, cumpriu agenda administrativa na nossa cidade. Esteve em rádios locais e depois foi a sede do 21ª Batalhão da Polícia Militar para entregar a população da Região trinta e dois policiais e algumas viaturas. O chefe do executivo estadual também esteve em outras regiões para tratar do mesmo assunto, ou seja: SEGURANÇA!

Escutei as duas entrevistas concedidas nas rádios locais. O seu governo vive momento de extremo desconforto. Os números oficiais da violência “puxam” para baixo a autoestima do povo pernambucano. A sensação de insegurança é perene e já contagiou, também, a classe média e alta, antes, porém, observada apenas nas camadas mais pobres da população.

No que diz respeito aos recentes acontecimentos em Palácio, onde a Policia Federal foi acionada,  o discurso do governador, até agora,  apenas se limitou a evidenciar à “espetacularização” da ação. Isso é pouco. Ficou devendo. Aliás, de maneira geral, o PSB já é devedor de muitas explicações ao eleitor brasileiro.

http://www.senado.gov.br/senadores/img/fotos-oficiais/senador5540.jpg

Visivelmente incomodado com as movimentações do antigo aliado, Senador Fernando Bezerra Coelho, com vistas ao pleito que se aproxima,  o governador não aliviou. Mesmo sem citar o seu nome alfinetou o senador.  Aliás, discutir temas eminentemente técnicos “jogando para plateia” não tem sido o caminho mais inteligente para os políticos que preservam a coerência.

No plano nacional, aproveitando a baixa popularidade do atual mandatário do governo central, Michel Temer, na qualidade de vice-presidente nacional da sigla (PSB), o mesmo já começou a construir um caminho de volta para se aliar ao PT. Não custa nada lembrar: o PT acusou o PSB de “golpista”. Recentemente o ex-presidente Lula emitiu uma nova senha: “ eu perdoo todos”.

Com relação às agendas administrativas de interesse do povo vitoriense o governado Paulo Câmara foi muito econômico. Não anunciou ações que possamos sublinhar. Na ocasião, contudo, o prefeito Aglailson Junior disse que tem recebido, no transcorrer da sua gestão, um bom apoio do governo estadual. Temos que cobrar dele mais ação!

Para concluir imagino que para as eleições gerais de 2018 o palanque da Frente Popular na Vitória de Santo Antão irá “murchar”. No meu modesto entendimento, em função das movimentações dos principais atores políticos pernambucanos, alinhados aos caciques partidários,  lá de Brasília, dificilmente os grupos políticos do ex-prefeito Elias Lira e do deputado Henrique Queiroz deverão  pedir votos para a reeleição do atual governador. Em política,  tudo pode acontecer, inclusive NADA!.

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Ausência da prefeitura: mototaxista esfaqueia outro por conta da concorrência no “ponto”.

No inicio dessa semana, através do Blog A Voz da Vitória, tomei conhecimento de um crime ocorrido por conta de uma disputa em  um “ponto” de mototaxi. Segundo a matéria o fato ocorreu na comunidade da Militina. Por haver sido impedido de trabalhar no “ponto” o “mototaxista” insatisfeito deferiu dois golpes de faca no outro profissional das duas rodas. O fato é lamentável.

Pois bem, sem querer entrar no mérito da questão – quem tá certo ou errado – gostaria apenas de chamar a atenção para a ausência do controle, na chamada fiscalização e regulamentação, por parte da prefeitura local. O problema não novo, ressaltemos!

Implantado na nossa cidade há mais de duas décadas esse serviço, hoje,  cumpre papel importante no cotidiano da cidade, sob todas frentes sócio/econômica. Cumpridas as exigências federais, no que diz respeito às leis de trânsito, o enquadramento do serviço de mototaxi é de total responsabilidade da prefeitura.

Na nossa cidade, ao longo de todo esse tempo que existe o serviço (mototaxis),  nenhum prefeito tratou da questão com a seriedade devida. Na Era do Governo Que Faz até cartão eletrônico para identificação desses profissionais foi prometido. Nos últimos oito anos, sob a regência do Governo de Todos, apenas mais “farofa” e enganação. Nada de consistente. A bagunça continuou, tanto prova que tá aí, o caos reinando.

Meses atrás o atual gestor, Aglailson Junior, através da AGTRAN,  alardeou um recadastramento e tal. Até o presente momento nada mudou. Tudo como antes. Outro dia, ao parar num semáforo na Avenida Mariana Amália avistei dois motoqueiros com batas e placas cuja grafia remetia-nos  à vizinha cidade de Gloria do Goitá. A "praça" na nossa cidade é livre. Qualquer um chega, coloca uma bata qualquer e sai carregando o passageiro.

Mudou de gestão, mas a bagunça continua. No meio dessa “ZORRA” está o cidadão que, ao passar a perna em uma dessas motos, poderá estar assinado sua sentença de morte, seja por conta de um assalto ou pelo fato do piloto não estar preparado para desempenhar a função. Aliás, uma parcela expressiva dos motoqueiros que estão “rodando” na nossa cidade nem habilitação possuem.

Concluo dizendo: mototaxista esfaqueado companheiro por conta da concorrência  no "ponto", é algo  que denúncia a completa ausência do controle do município  na questão dos mototaxistas. Aliás, infelizmente, também nos remete ao tempo dos “bárbaros” no qual tudo era resolvido na base da luta corporal...

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Solenidade comemorativa aos 67 anos do nosso Instituto Histórico acontece hoje (sexta).

Dentro da programação festiva, alusiva ao 67º aniversário do nosso Instituto Histórico e Geográfico, serão condecorados com o “Título de Cidadão Vitoriense” dois sócios da instituição. O empresário Carlos  Freire e a escritora Luciene Freitas.

O evento acontece na noite de hoje (17), a partir das 19h, no Teatro Silogeu. Na ocasião também será aberta a exposição sobre o Patrimônio Sub-Aquático de Pernambuco.

Publicado em Editorial | 1 comentário

Livros – Apelidos Vitorienses – continuam disponíveis à venda!!

Aos amigos conterrâneos, quer estejam residindo ou não na nossa terra-mãe, informo que ainda possuo exemplares do nosso Projeto Cultural, intitulado “Apelidos Vitorienses”, disponíveis à venda. No volume um, narramos à origem dos seguintes apelidos:

Além do meu apelido (Pilako), catalogamos: Americano, Batifino, Baleado, China Contador, Doutor do Posto, Fernando Diamante, Furão, Giba do Bolo, Heleno da Jaca, João de Qualidade, Lavoura, Mané Mané, Manga Rosa, Matuto, Nanãe, Natal do Churrasquinho, Olho de Pires, Moleza, Pindura, Pirrita, Toco, Tonho Trinpa, Torto e Zé Catinga.

Nesse segundo volume estão:

Babai Engraxate, Novo da Banca, Pea Preta, Branca, Gongué, Vei Eletricista, Brother, Bambam Água, Zé Ribeiro, Regis do Amendoim, Val da Banca, Pirraia do Feijão, Pituca, Junior Facada, Pezão, Moreno, João Potó, Touro, Lino, Eraldo Boy, Cocota, Castanha, Miro da Cachorra, Nininho e Neném da Joelma.

Local de venda – Redação do Blog do Pilako – Praça Leão Coroado.

Valor: Volume 01 – R$ 30,00 / volume 02 R$ 30,00

Contato: 9.9192.5094 ou pelo zap 9.8456.4281

Obs: Para as vendas fora da cidade, somar despesas postais.

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Já está circulando a nova edição do Jornal da Vitória

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Momento Cultural: Lágrimas Fenomenais – por ALBERTINA MACIEL DE LAGOS

Profª Albertina Maciel de Lagos No ofegante caminhar de minha vida, nesta luta constante de cair e levantar, mas... sempre sonhando ou, mais forte, e meditar... eis, que, um dia, de chofre, deparei; junto a uma cruz carcomida da deserta estrada, ao solo exposta, abandonada coberta de poeira a sorrir para mim, macabramente, - uma caveira! Como se fora por um raio, então ferida, fiquei, assaz apavorada, e, contra o medo reagindo, resolvi apanhar aquela carcassa inerte, fria, assim, exclamando: - Caveira, és bem um espelho onde se vê, em cinzas refletida, a humana vaidade, vã e fementida! E, elevando o crânio à altura dos meus olhos, mais estarrecida fiquei quando notei algo fenomenal: - das óbritas enormes, vazias, corriam a cintilar, dua lágrimas fugidias como que irisadas, a zombar da morte, da escura e triste sepultura! Entre a coragem e o medo, perguntei: - Que!... uma caveira inda a chorar?!... E, no recesso do meu peito, uma voz intensa, aguda como o trovão, logo ecoou: - É que ela (coitada)! ainda chora um Amor sublime, puro, que o mundo ignora e que, na terra lhe ficou! (SILENTE QUIETUDE – ALBERTINA MACIEL DE LAGOS).
Publicado em Fim de Semana Cultural | Deixar um comentário

Momento Vitória Park Shopping

Na Subway do Vitória Park Shopping temos vegetais fresquinhos para deixar o seu sanduíche ainda mais saboroso. Uma delícia! Hummmm.😋😀 #Subway #VitóriaParkShopping

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

O Tempo Voa: 45 anos do Rotary Club da Vitória

Foto gentilmente cedida pelo Jornal da Vitória - Extraída da Edição de n. 146 - Janeiro de 2002

Foto registrada durante a reunião festiva dos 45 anos do Rotary Club da Vitória, realizada em janeiro de 2002. Na foto: Elmo Cândido Carneiro, Adroaldo Barros (in memoriam), Djalma Gomes, Aluisio Ferrer e Geraldo Lima (in memoriam).

Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário

Elias Soares: “Locutor do Asfalto” promove mais uma Exposição de Carros Antigos.

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Momento Grau Técnico Vitória

Todos Juntos - Eu Apoio a Doação de Sangue. Abrace essa campanha você também. Clique no Link e mude a foto do seu perfil: https://goo.gl/i2yigH #GrauTecnico #TodosJuntos #UnindoForças #SalvandoVidas

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

FRAGMENTOS

O casal arenga na paquera, troca tapa no namoro, se separa no noivado e quer ser feliz no casamento. Sosigenes Bittencourt
Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Vanildo de Pombos

A inesquecível interpretação e a saudade da voz marcante de VANILDO DE POMBOS, cantando a música Vaquejada da Vitória, composta por Samuka VoiceBenedito de Cachoeirinha e Aldenisio Tavares. Vaquejada da Vitória - Vanildo de Pombos Aldenisio Tavares
Publicado em Fim de Semana Cultural | Deixar um comentário

O “Santo Atraso” salvou o nosso Melchisedec do trágico acidente aério.

A falta de informação, muitas vezes, torna-nos “insensível” e “distante”. Diz um respeitado estudioso da área das ciências humanas que conhecer a história das pessoas, mesmo daquelas que aparentemente não tem nada a comemorar, as tornam "maiores" e mais admiradas.

Possivelmente nenhum vitoriense  - antes de ler esse artigo -  ao trafegar pela Rua Jean Emile Favre, localizada no bairro do IPSEP, na Capital Pernambucana, faria alguma associação intrínseca com algum vitoriense, no que diz respeito ao motivo pelo qual esse nome foi colocado na citada via.

Jean Emile Favre foi um sargento da Aeronáutica que figurou como uma das sete vítimas do trágico acidente aéreo, ocorrido no Recife, em 1947. Na ocasião o avião participava de uma demonstração no céu do Recife e, com problemas no motor, chocou-se com a rede elétrica que cruzava o Rio Capibaribe,  nas imediações da Ponte 06 de Março – mais conhecida por “Ponte Velha”.  Na construção do bairro do IPSEP, em 1950,  a principal rua foi batizada com o nome do Sargento Jean Emile Favre.

O internauta, então, poderia me perguntar: e qual é a ligação que esse acidente tem com  algum vitoriense? Eu responderei: TUDO.

Na verdade o sargento Jean Emile Favre não estava, em princípio, escalado para fazer parte dessa missão. Sua inclusão nessa tripulação, poucos minutos antes da aeronave decolar, se deu em função do atraso do aviador vitoriense José Severino de Militão, mais conhecido como Melchisedec. Ou seja: o escritor e fundador da nossa AVLAC- Academia Vitoriense de Letras, Artes e Ciência.

Aliás, o Melchisedec, que ao chegar fora do horário previsto já havia sido recolhido ao “xilindró” daquela  instituição militar, só tomou conhecimento do trágico acidente quando foi liberado,  pouco tempo depois. Ele, naturalmente,  triste com o falecimento dos companheiros, respirou aliviado e comemorou!!! Agradeceu muito aos céus e, principalmente,  ao “Santo Atraso”.

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

A “buraqueira” continua intacta…

Para o condutor de veiculo que trafega pela Antiga BR 232 a “buraqueira” exposta,  próximo ao prédio da TV Vitória,  já virou paisagem, ou seja: já incorporou-se como algo “normal” e “comum”...

Pelo fato de não circular  por esse lado da via constantemente, mesmo “puxando” pela memória, não consigo lembrar-me desse trecho sem esses buracos. Infelizmente, parece que as coisas na nossa cidade são programadas para não funcionar.

Fica prefeito, sair prefeito, entra prefeito e o modus operandi permanece intacto, tal qual a referida “buraqueira”.

Publicado em A Lupa, Editorial | Deixar um comentário

A Solenidade para comemorar os 67 anos do Instituto Histórico é nessa sexta (17).

Amanhã, sexta (17), o nosso Instituto Histórico celebrará o seu 67º aniversário. O evento festivo conta com uma pauta recheada. Além da palestra  sobre a formação dos engenhos na nossa cidade, proferida pelo secretário do IHAGP,  Reinaldo Carneiro Leão, também teremos entrega de títulos vitorienses, tomada de posse de novos sócios e abertura de exposição, realçando o patrimônio sub-aquático de Pernambuco.

Na ocasião teremos também a aposição das fotografias de três personalidades vitorienses: Padre Renato, Joca Neri e Elmo Cândido Carneiro. Aliás, “Seu” Elmo foi um dos fundadores do nosso Instituto Histórico. Ao final do evento será servido um coquetel – inicio da solenidade: 19h.

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Livros – Apelidos Vitorienses – continuam disponíveis à venda!!

Aos amigos conterrâneos, quer estejam residindo ou não na nossa terra-mãe, informo que ainda possuo exemplares do nosso Projeto Cultural, intitulado “Apelidos Vitorienses”, disponíveis à venda. No volume um, narramos à origem dos seguintes apelidos:

Além do meu apelido (Pilako), catalogamos: Americano, Batifino, Baleado, China Contador, Doutor do Posto, Fernando Diamante, Furão, Giba do Bolo, Heleno da Jaca, João de Qualidade, Lavoura, Mané Mané, Manga Rosa, Matuto, Nanãe, Natal do Churrasquinho, Olho de Pires, Moleza, Pindura, Pirrita, Toco, Tonho Trinpa, Torto e Zé Catinga.

Nesse segundo volume estão:

Babai Engraxate, Novo da Banca, Pea Preta, Branca, Gongué, Vei Eletricista, Brother, Bambam Água, Zé Ribeiro, Regis do Amendoim, Val da Banca, Pirraia do Feijão, Pituca, Junior Facada, Pezão, Moreno, João Potó, Touro, Lino, Eraldo Boy, Cocota, Castanha, Miro da Cachorra, Nininho e Neném da Joelma.

Local de venda – Redação do Blog do Pilako – Praça Leão Coroado.

Valor: Volume 01 – R$ 30,00 / volume 02 R$ 30,00

Contato: 9.9192.5094 ou pelo zap 9.8456.4281

Obs: Para as vendas fora da cidade, somar despesas postais.

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Momento Vitória Park Shopping

Empório Flor de Sal te convida para mais uma experiência única! Workshop de Vinhos Portugueses 🇵🇹 : um viagem de descobertas pelo grandes vinhos de Portugal. O workshop será ministrado pelo renomado Sommelier Angelo Miranda. Será em 18 de novembro às 16 e 30h no Empório Flor de Sal do Vitória Park Shopping! Não fique fora dessa!🍷 #EmpórioFlordeSal #WorkshopVinhosPortugueses #VitóriaParkShopping

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

Momento PITÚ

Galera, dizem que na casa de Ronalty Moura só tem fartura. Olha que beleza esses camarões! Mais tarde eu vou dar uma passadinha por lá! Quem bora? #vivaaresenha

Publicado em Anúncios, Editorial | Deixar um comentário

O Tempo Voa: Ex-prefeito Barreto e João Valois. Ano não registrado.

Entre outros: Ex-prefeito Barreto e João Valois. Ano não registrado.

Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário