Convite

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Hora do Jantar

Nossas lentes flagraram mais uma vez, só que agora durante o horário noturno, os porcos nas ruas infernizando a população, sobretudo para as donas de casa que colocam o lixo nas calçadas e os porcos fazem a maior “festa”.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

USF Cidade de Deus

Dando continuidade à série de postagens das informações sobre as Unidades de Saúde de nossa cidade, hoje publicamos a USF Cidade de Deus.

Segundo o Ministério da Saúde, a USF Cidade de Deus conta com 01 Médico, 01 Odontólogo (dentistas), 01 Enfermeiro, 01 técnico de enfermagem, 01 Auxiliar e 09 Agentes de Saúde, totalizando 14 funcionários pagos com recursos públicos.

MÉDICOS [table id=92/]

ODONTÓLOGOS (DENTISTAS) [table id=90/]

ENFERMEIROS [table id=91/]

TÉCNICOS EM ENFERMAGEM [table id=93/]

AUXILIARES [table id=89/]

AGENTES DE SAÚDE [table id=88/]

Publicado em Transparência Vitória | Deixar um comentário

Pedestre leva a pior

[portfolio_slideshow timeout=10000, nav=false, size=medium, showtitles=false, trans=scrollHorz, thumbs=false]

No trânsito “salve-se quem puder” da nossa cidade, os pedestres estão levando a pior. Tanto nos cruzamentos com sinais antigos como também nos recém inaugurados, não encontramos as faixas de segurança, mais conhecida popularmente como faixa de pedestre. As nossas autoridades bem que podiam ser mais cuidadosas, para não pagarem o MICO de fazer festa com inaugurações, faltando peças importantes. Seria falta de conhecimento ou de respeito mesmo?

Publicado em A Lupa | 2 comentários

Bar agora serve como sala de aula na Comunidade do Oiteiro

[portfolio_slideshow timeout=10000, nav=false, size=medium, showtitles=false, trans=scrollHorz, thumbs=false]

Dando continuidade a série de postagens sobre a comunidade do Oiteiro, segundo o morador Manuel Andrade, a escola está em péssimas condições. O prefeito já tinha comprado um terreno para construir uma nova escola, mas nem uma mão de cal foi feita pela Prefeitura nos últimos anos na atual escola.

Segundo moradores, apenas duas turmas tem aulas na escola, que por falta de manutenção foram improvisadas salas de aula em um espaço que serve como área de recreio das crianças e também outras turmas foram deslocadas para uma sala na igreja e outra fica onde já funcionou um bar.

Ouvimos a jovem Amanda, que também faz parte da Associação dos Moradores, ela nos relatou que não existe nenhum incentivo naquela localidade para estimular a capacitação da juventude “gostaria muito de poder fazer um curso aqui, para arrumar um emprego nas fábricas da cidade” - confessou Amanda, indo mais além, “aqui num tem nem internet” - sentenciou a triste realidade.

Um morador antigo daquela comunidade, o senhor Manuel Andrade fala da situação da localidade. Veja o vídeo abaixo:

Publicado em A Lupa | 2 comentários

Tá aumentando…

[portfolio_slideshow timeout=10000, nav=false, size=medium, showtitles=false, trans=scrollHorz, thumbs=false]

Caso a Secretaria de Obras não tome uma atitude de forma rápida para conter o crescimento do buraco na praça do Rotary, em pouco dias será uma tarefa difícil trafegar por aquela rua. Pelo menos uma coisa já temos certeza, a Prefeitura já tomou conhecimento, afinal já sinalizou com um cavalete, isso porque, pela proximidade com o prédio da Prefeitura não foi lá uma tarefa complicada.

Publicado em A Lupa | 6 comentários

Decepção

Foto: divulgação

Está circulando na imprensa que o prefeito Elias Lira já está com as malas prontas para desembarcar no PSD, ou seja, está pulando para o outro lado, uma vez que esse partido em Pernambuco é controlado pelo Governador Eduardo Campos. O ex-senador Marco Maciel, que hoje (21) está completando 71 anos, foi o padrinho político do atual prefeito de Vitória deve está começando a conhecer melhor o seu ex-admirador.

Publicado em A Lupa | 3 comentários

Toni Amorim: 50 anos de composições

Homenageamos o compositor vitoriense Toni Amorim, disponibilizando a música "CIÚME, TEMPERO DO AMOR" de sua autoria, interpretada pelo também vitoriense Ricardo Rico. A música é integrante do álbum Toni Amorim: 50 anos de composições.

[powerpress url=../mp3/toni.mp3] Gostou da música? - Baixe a MP3 Aldenisio Tavares
Publicado em Vitória dos Artistas | Deixar um comentário

Abuso (2)

Na manhã de hoje (21) nossas lentes flagraram novamente uma cena de abuso envolvendo um automóvel da Prefeitura. Contrariando as normas de trânsitos e do bom senso, o condutor do automóvel, sem nenhum medo de punição, estaciona em cima da calçada e olhe que carro serve à Secretária de Educação. Que falta de Educação! Detalhe, o abuso ocorreu em frente à Prefeitura. É por essa e outras que o trânsito é um verdadeiro "salve-se quem puder".

Veja também a postagem em que motorista da Prefeitura comete irregularidades: Abuso

Publicado em A Lupa | 3 comentários

O Tempo Voa: Cine Iracema

Foto: Acervo do IHGVSA - Enviada pela historiadora Savana Santos

 

Publicado em O Tempo Voa | 1 comentário

Salve-se quem puder!

Na manhã de hoje (21), cansados de esperar pelas ações da Prefeitura os moto-taxistas do livramento, mais precisamente do ponto 20, botaram literalmente a mão na massa. Recentemente a gestão do “Governo de Todos” fez festa na praça Duque de Caxias para a entrega de batas e anunciar a regulamentação da atividade de moto-taxista. Será que nessa regulamentação ficou para os motoqueiros a responsabilidade de pintar o meio-fio? Qualquer ação na regulamentação, modificação e manutenção no trânsito é de responsabilidade exclusiva do poder público ou empresa cadastrada pelo órgão competente para este fim. De uma coisa ninguém tem dúvidas, ao usar os bancos da praça como cavaletes mostra que os moqueiros daquele ponto são bons de improviso. É por essas e outras que o trânsito da Vitória é um verdadeiro “salve-se quem puder”.

Publicado em A Lupa | 2 comentários

De Vitória de Santo Antão à Garanhuns – Parte 03

Recomendamos a leitura da primeira e segunda partes deste artigo para que haja compreensão. Primeira parte: Clique aqui. Segunda parte: Clique aqui.

Friamente olhando são duas cidades de características bem semelhantes, mas repito, basta dar uma volta e perceber como Garanhuns é mais desenvolvida. A pergunta que peço para que o leitor responda é o porquê disto?

Pelo menos no centro da cidade de Garanhuns e em ruas próximas, sentimos uma cidade organizada com praças bem cuidadas, todas as ruas asfaltadas e grandes prédios que já começam a fazer contraste com monumentos e equipamentos históricos. À noite, a cidade é bem iluminada, inclusive com fontes d´agua e árvores históricas com iluminação especial. Igual a Vitória, Garanhuns também espera pela chegada de um Shopping, porém, nos fins de semana já se pode contar com um cinema com principais lançamentos de filmes em cartaz.

O 21º Festival de Inverno de Garanhuns, a impressão que se tem é que foi muito bem organizado. São vários pólos espalhados na cidade, da música gospel e oficinas de cordel ao pop rock e mpb. O local do show é plano e todos que entram no circuito são revistados. Outra coisa importante é que bebida com casco de vidro é proibido, o que aumenta a segurança do local. O camarote tem 03 andares e é realmente muito grande e com uma ótima estrutura.

Vendo como a cidade e o festival é organizado com tanto zelo, bate um sentimento bairrista de tristeza.  Não meus amigos, não quero me mudar para Garanhuns. Mas, me pergunto como estamos atrasados no tempo. Quem não lembra que sempre nosso alvo de comparação foi Caruaru? O que lutamos sempre é por uma cidade melhor para se viver, pois acreditamos no potencial de nosso município e temos certeza que o crescimento não pode só estar à mercê da iniciativa privada com a instalação de novas indústrias. O que todos querem, sem distinção, e é fato, é uma melhor qualidade de vida!

Helder Sóstenes Diretor da unidade PETCURSOS em Vitória.
Publicado em Editorial | 2 comentários

Centro de Saúde do Oiteiro

Dando continuidade à série de postagens das informações sobre as Unidades de Saúde de nossa cidade, hoje publicamos o Centro de Saúde do Oiteiro.

Segundo o Ministério da Saúde, o Centro de Saúde do Oiteiro conta com 01 Médico, 01 Psicólogo, 01 Enfermeiro, 01 Auxiliar e 12 Agentes de Saúde, totalizando 16 funcionários pagos com recursos públicos.

MÉDICOS [table id=86/] PSICÓLOGOS

[table id=87/]

ENFERMEIROS [table id=85/]

AUXILIARES [table id=84/]

AGENTES DE SAÚDE [table id=83/]

Publicado em Transparência Vitória | Deixar um comentário

PITÚ

Depois que os institutos CIPIS e UBD classificaram políticos vitorienses como modelos no Brasil, nos últimos 10 anos, conforme publicamos, cientistas internacionais em parceria com cientistas vitorienses fizeram uma série de pesquisas para descobrir tamanha façanha da terra de Mariana Amália. A prova irrefutável, fazendo os cientistas chegarem a uma conclusão, foi a postagem no blog do amigo Inaldo, que o ex-presidente LULA tem como preferida a cachaça PITÚ. Ora, não precisamos dizer que LULA é o cara. Portanto, tomar uma lapadinha de PITÚ toda manhã é o segredo para o estrondoso "sucesso" de nossos políticos.

Para entender, leia a postagem abaixo: Só tem aqui.

Publicado em A Lupa, Editorial | Deixar um comentário

Leitor envia e-mail à redação mostrando sua indignação. Veja na integra!

TRISTE REALIDADE

"Gostaria, se possível, de registrar minha tristeza em público através desta excelente ferramenta que serve à nossa cidade para com a situação que a mesma vive já há muito tempo!

Apesar de nascido e criado em Vitória, há 05 anos trabalho e moro em Aracaju-SE, pelo que praticamente todos os meses estou em Vitória não só por causa da minha família mas principalmente por não conseguir me libertar do desejo de voltar a viver em PE. Não consigo me desprender e até tenho dificuldades devido às inevitáveis comparações que saltam à minha vista entre Vitória e Aracaju. Tudo bem que Aracaju é um capital. Mas, a vivência fora de Vitória abriu minha mente de uma forma que viver em Vitória passa a ser doloroso, devido ao descaso e à forma como a cidade vem sendo governada nos últimos 20 anos.

Abaixo cito algumas melhorias que poderiam ser feitas na cidade sem muito esforço, bastando apenas seriedade e compromisso com o povo:

1- Desde a duplicação da BR 232 que a entrada da Vitória é um desvio - a pista da entrada antiga ainda está lá, é so aproveitar o pavimento, retirar o mato e pronto;

2- Ao invés de permitir e até incentivar a invasão da linha férrea com construções, porque não transformá-la numa ciclovia que ligaria diversos bairros desde Redenção até o Maués?

3- Porque tantos buracos na cidade, qual a dificuldade em contratar uma empresa decente e por uma fiscalização decente para verificar a qualidade dos reparos;

4- A forma como os motoqueiros desta cidade se comportam no trânsito são um absurdo. Moto-Taxi deveria ter curso de reciclagem todo ano para poder ter a licença pela prefeitura. Deveria existir fiscalização de trânsito para coibir os absurdos feitos pelos motoristas em geral;

5- Qual o plano diretor desta cidade, existe algum? Alguém sabe o que é isto na política vitoriense?

6- Porque esta cidade é tão empoeirada, tem tanta areia nas ruas? Observando toda a extensão da antiga BR-232 que corta a cidade, a Avenida Mariana Amália, a rua do Cajá desde o viaduto até Santana e outros bairros (o problema é geral), só tem poeira devo terra nas ruas!

7- Nunca vi uma cidade onde se tem tanta dificuldade em se andar nas calçadas devido aos obstáculos que todos os moradores criam:

a) Calçadas desniveladas;

b) Calçadas com degraus, rampas;

c) Pisos lisos que em dias chuvosos são uma armadilha;

d) Em muitos casos a calçada é invadida pelas construções que não respeitam os limites públicos;

e) Em muitos casos não há calçada;

f) Calçadas com barras de metal;

g) Calçadas esburacadas; Tem calcadas onde o desnível é tão grande que parece um paredão e o jeito é andar beirando o meio fio correndo o risco de um motoqueiro desgovernado nos atropelar!

8- O buraco na antiga BR 232 em frente à ladeira do Alto José Leal já é coisa crônica e faz uns 15 anos que ninguém resolve, qual a dificuldade?

9- Não há fiscalização decente para com as construções nesta cidade, de forma a respeitar os limites das calçadas e o projeto das mesmas;

10-Porque nossas praças tem que ter canteiros tão altos como se fossem mausoléus, no estilo Dr Ivo (na época da bananeira), porque não podem ser rentes com a calçada e com gramas para que as pessoas possam colocar uma toalha e ler um livro ou os jovens se reunirem em baixo das árvores para tocar violão? Temos tantas praças, que nossa cidade poderia bem ser chamada de Vitória, a cidade das praças (mas só se fossem bem cuidadas!);

11- Porque não tranformar o descampado onde vez em quando se monta um circo lá na Mangueira e transformá-lo numa praça de eventos ( é amplo, plano, só faltando fazer calçamento);

12- Nossa cidade tem muitos carros e o trânsito não é tão fluido assim em alguns locais e horários. Logo, porque que temos tantos carros de som transitando em nossa cidade fazendo propaganda volante, obrigando dezenas de carros a seguir em lentamente os mesmos como se fosse um cortejo. Porque estes carros de som não ficam parados enquanto anunciam, porque têm que fazer isso andando, uma vez que o público está passando por ele, não precisaria eles estarem se deslocando para atingir um grande público. Logo, no centro da cidade, veículos de propaganda só poderiam estar emitindo som enquanto devidamente estacionados!

13- O cemitério de nossa cidade é um exemplo do mais completo descaço para com o povo, para com a cidade e para com a dignidade de nossa população. Não tenho receio de viver em Vitória, mas tenho medo de ser enterrado aqui!

14- Porque nosso carnaval não é voltado para privilegiar as alegorias tão esquecidas e sucumbindo à morte, dando ao nosso carnaval um toque mágico e único em nosso estado;

15- Porque ainda existem bancos (barraquinhas) montadas em alguns calçadas de nossa cidade?

Sei que não são a solucação de nossos problemas mas, se ao menos nossos governantes ouvissem o povo, teriam as idéias para fazer uma Vitória melhor!"

Luiz Adeido da Silva Júnior

Email recebido em 19 de julho de 2011.

 
Publicado em Editorial | 1 comentário

População reclama!

A falta de médicos na Comunidade do Oiteiro foi apontada de maneira unânime por todos moradores entrevistados. No momento da nossa reportagem, que ocorreu na última quinta-feira (14), constatamos que a Unidade de Saúde já se encontrava fechada às 15:30. A senhora Joseane da Silva, dona de casa, mais conhecida como Ane, nos relatou o sofrimento com a falta de médicos e remédios.

Veja também outra  postagem especial sobre a comunidade do Oiteiro: A comunidade do Oiteiro exige cidadania.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

De Vitória de Santo Antão à Garanhuns – Parte 02

Recomendamos a leitura da primeira parte deste artigo. Clique aqui.

Voltando ao título de nosso artigo, pra quem não sabe Garanhuns tem fortes semelhanças físicas, demográficas e econômicas à Vitória de Santo Antão. Aquela cidade começou no ano 1671, enquanto numa época próxima (1626) Diogo de Braga fixava residência nas terras de Vitória.  Hoje as duas cidades, segundo os dados do último senso do IBGE, tem população semelhante, sendo aproximadamente 129 mil habitantes.

Garanhuns tem um território de cerca de 472 km², enquanto Vitória cerca de 371 km², o que aumenta a densidade habitacional da cidade de Braga. Mas quando observamos o PIB, que é a riqueza produzida, os das duas são bem semelhantes: cerca de R$ 800.000. O IDH das duas é 6,0 índice que mede o Desenvolvimento humano. A economia ligada agricultura das duas cidades também é um destaque semelhante.

Ambas possuem pólos do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), Vitória possui um núcleo da Universidade Federal (UFPE) e duas faculdades particulares, já Garanhuns possui um da Universidade Estadual (UPE) e da Universidade Rural (UFRPE), além de duas faculdades particulares a AESGA e a FAMEG, esta última com o curso de medicina.

.... continua.

Helder Sóstenes Diretor da unidade PETCURSOS em Vitória.

Publicado em Editorial | Deixar um comentário

Redação recebe o professor Marcelus Almeida do CAV/UFPE

Na manhã desta terça-feira, recebemos em nossa Redação o conceituado professor Marcelus Almeida, docente do Centro Acadêmico de Vitória - CAV/UFPE. Dentre outros assuntos, falamos sobre a realização da I Corrida Rústica, que será realizada no dia 21 de Agosto. Tendo como percurso os bairros da Bela Vista, Matriz, Centro e Livramento. Os atletas poderão se inscrever no Núcleo de Educação Física e Ciências do Esporte naquela instituição, ao preço de R$ 10,00 - podendo ser realizadas até o dia 15 de agosto. Este editor, que já participou recentemente de outras corridas, marcará presença no evento.

Publicado em Editorial | 4 comentários

Temporada de Fé

A partir de Setembro, o Sr. Célio do Onibus estará realizando mais uma temporada de excursões para o Juazeiro do Norte, terra do Padre Cícero. Você poderá fazer a sua reserva pelos fones 8834-7138 ou 3523-7138. O valor da excursão é R$ 80,00 e poderá ser pago em até 2x no cartão. Participe das festividades dos 100 anos do Padre Cícero.

 

Publicado em Editorial | 1 comentário

Absurdo

Nossas lentes flagraram um verdadeiro desrespeito ao pedestre em nossa cidade, esse absurdo fica localizado próximo ao Terminal Rodoviário, causando assim uma péssima impressão aos nossos visitantes, além, claro, do risco de acidentes a todos que por ali caminham.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Feliz Dia do Amigo

Foto: autor desconhecido.

O Blog do Pilako deseja a todos um Feliz Dia do Amigo.

Publicado em Editorial | 1 comentário

O Tempo Voa: Reunião da diretoria do Camelo (1992)

Foto: Acervo pessoal do blogueiro

Da esquerda para a direita: Djalma (in memoriam), Alexandre da Gamela, Cocota, Murilo, Léo, Silvio, Joel Neto e Pilako. De costas: Clodoaldo e Mano do Cartório. Foto Registrada em 1992, na Gamela de Ouro.
Publicado em O Tempo Voa | 2 comentários

Internauta registra porco no final da Avenida Mariana Amália

Foto enviada pelo internauta Eduardo

O internauta Eduardo nos enviou a foto acima, registrada no final da avenida Mariana Amália, próximo ao Palácio dos Alimentos. Envie também o seu flagrante para o contato@blogdopilako.com.br.

 

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

USF Pau Santo

Dando continuidade à série de postagens das informações sobre as Unidades de Saúde de nossa cidade, hoje publicamos a USF Pau Santo.

Segundo o Ministério da Saúde, a USF Pau Santo conta com 01 Médico, 01 Odontólogo (dentista), 01 Psicólogo, 01 Enfermeiro, 02 Auxiliares e 07 Agentes de Saúde, totalizando 13 funcionários pagos com recursos públicos.

MÉDICOS [table id=81/]

ODONTÓLOGOS (DENTISTAS) [table id=79/]

PSICÓLOGOS [table id=82/]

ENFERMEIROS [table id=80/]

AUXILIARES [table id=78/]

AGENTES DE SAÚDE [table id=77/]

Publicado em Transparência Vitória | Deixar um comentário

A comunidade do Oiteiro exige cidadania.

[portfolio_slideshow timeout=10000, nav=false, size=medium, showtitles=false, trans=scrollHorz, thumbs=false]

Conforme matéria postada ontem, a nossa equipe de reportagem visitou a comunidade do Oiteiro, ouvindo diversas reclamações: falta de médicos, escola com problemas e abastecimento da água foram citados, além de problemas de ordem administrativa que impedem a comunidade de avançar no quesito cidadania.

Segundo senhor Ramon, presidente da associação de moradores, o prefeito Elias Lira doou alguns terrenos na rua Profeta Ageu, naquela comunidade, quando foi prefeito pela primeira vez em 1985, contudo os mesmos nunca foram legalizados, impossibilitando os moradores serem contemplados com programas federais como financiamento para casa própria e também legalizarem seus endereços junto aos correios. O senhor Ramon e o morador Bira falam da luta deles, até agora sem sucesso, na prefeitura para conseguirem a regulamentação desses terrenos. Veja o vídeo abaixo:

Publicado em A Lupa | 2 comentários

De Vitória de Santo Antão à Garanhuns – parte 01

Foto: divulgação

Quem ama o lugar onde vive, em qualquer lugar do mundo que chegue se pega fazendo comparações com sua cidade natal. Com certeza, leitor, se você já se pegou fazendo isso sabe muito bem do que estou dizendo. Por esse motivo, estou fazendo uma série com 03 pequenos artigos, da impressão que tive há pouco, quando voltei à Garanhuns, cidade com cerca de 130 mil habitantes, no agreste pernambucano com fortes semelhanças físicas, econômicas e culturais a Vitória de Santo Antão.

Antes mesmo de chegar ao lugar, diante das recordações que tinha das outras vezes que fui, sabia que ia encontrar uma cidade muito bem arborizada e de pessoas que realmente preservam o local onde vivem. Mas, confesso desta vez em especial, minhas expectativas foram realmente superadas, encontrei mais que isso.

Cheguei à cidade na sexta-feira (15), à tarde, encontrando o lugar muito movimentado.  Bares, restaurantes, hotéis e lojas no centro estavam realmente com muita gente que se preparava para a noite de 4 grandes atrações a nível nacional na conhecida Esplanada Guadalajara.

A primeira impressão que se tem quando chega à Garanhuns é que o município é maior prova que o turismo pode mover a mola econômica de uma região. Basta dar uma breve volta na cidade e ver quantas placas se tem de incentivo do Governo Federal ao turismo, além de outdoors com o calendário turístico do ano todo, o que com certeza é um fator importante para o crescimento do número de pousadas, hotéis e restaurantes da região.

Outra impressão que se observa rapidamente, é que a cidade em é si é muito limpa, de ruas largas e avenidas longas, onde o trânsito flui com ajuda de guardas municipais, Detran e Policia militar que realmente não brincam, multam mesmo, diante de qualquer ato de infração. Alias, há vagas de zona azul no centro da cidade, onde podemos comprar um bilhete nos dando validade para passar até duas horas estacionado, igual a capitais. As linhas de ônibus são novas e os moto-taxis e outros transportes alternativos são regulamentados. Tudo isso pode parecer muito normal a qualquer um, não fosse o fato, que é uma cidade do interior que se encontra em pleno agreste pernambucano, quase no meio do nada, há cerca de 03h da capital pernambucana ou de 01h30min do aeroporto mais próximo, em Caruaru.

... continua.

Helder Sóstenes Diretor da unidade PETCURSOS em Vitória.  
Publicado em Editorial | 7 comentários

Cacá Soares

Foto: divulgação

Com a música "Uma Chance", Cacá Soares encanta. A música é de autoria dos vitorienses Samuka Voice, Cacá Soares e deste colunista. Ela faz parte do primeiro álbum do cantor, com participação especial de Bruna Kelly. Ouça!

[powerpress url=../mp3/caca.mp3] Gostou da música? - Baixe a MP3

Aldenisio Tavares
Publicado em Vitória dos Artistas | Com a tag , , | Deixar um comentário

O Tempo Voa: Pátio da Matriz em 1930

Foto: Acervo do IHGVSA - Enviada pela historiadora Savana Santos

Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário

Cavalo

No movimentado cruzamento da Av. Henrique de Holanda (antiga BR 232) com o principal acesso ao bairro da Bela Vista, nossas lentes flagraram um cavalo solto na tarde desta segunda-feira. É bom lembrar que o tráfego de motos e carros neste cruzamento é intenso, portanto o risco de um acidente aumenta.

Publicado em A Lupa | 2 comentários

Má impressão

Ainda se encontra em frente ao prédio da Prefeitura um poste caído. Segundo informações de funcionários da própria instituição já faz um bom tempo que está nesse estado. Não fica bem para a Secretaria de Planejamento mostrar aos empresários que aqui em Vitória investir é um bom negócio, passa uma má impressão.

Clique aqui e veja a postagem publicada em 06 de julho sobre o mesmo assunto!

Publicado em A Lupa | 1 comentário