Arquivo da categoria: Fala, Vitória!

Coluna do Escritor vitoriense Sosigenes Bittencourt

OPERAÇÃO CASTANHEIRA

O maior desmatador da Amazônia anda preso. Chama-se Ezequiel Antônio Castanha. Detido, sábado, em Novo Progresso, Ezequiel adivinhou chuva. Uma tromba d’água diluviana impediu sua imediata transferência para Itaituba. Agora, plantado em Itaituba, não dará bons frutos. Ezequiel Castanha tem … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

INVESTIMENTO EM EDUCAÇÃO

Investimento em educação é o maior lucro, economia na educação é o maior prejuízo. O político brasileiro pensa que investimento em educação é despesa. Decididamente, não entende que INVESTIMENTO é aquela despesa que dá retorno. Portanto, se investimento em educação … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

AMOR E VÍCIO

Amor sincero de mulher já resgatou muito marmanjo do vício. O amor embriagador de uma mulher já resgatou muito marmanjo do alcoolismo. Não se combate vício humilhando o viciado, mas pregando-lhe a verdade com respeito. É a única forma de … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

CAPIBA NO CÉU

Lourenço da Fonseca Barbosa * Surubim: 1904 + Recife: 1997 Capiba chega ao céu. Sorridente e de braços abertos, penetra sem kit no bloco de Nelson Ferreira, Irmãos Valença e Felinho. Ao som de Vassourinhas, de Matias da Rocha e … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Carnavalização, Pornografia e Proibição

Você pode brincar Carnaval, não pode carnavalizar a vida. Carnaval é uma festa, não é uma lei, é escolha, não é obrigação. Brincar Carnaval não significa impor seu ritmo, sua vontade à vontade dos outros, submeter os demais aos seus caprichos. O … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

ONDE ESTÁ A POESIA?

O poema é a poesia contada. O poema é a linguagem da poesia. A música é a poesia tocada. A música é o som da poesia. A pintura é a poesia pintada. A pintura é a cor da poesia. O … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Trio e Frevo

Bom salientar, pessoal, que a história do TRIO ELÉTRICO começa em Salvador, em 1951, quando DODÓ e OSMAR contratam outro músico, formando um trio, e saem em cima de uma FUBICA tocando FREVO PERNAMBUCANO. Era uma homenagem ao que aconteceu no ano … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Minha fantasia

A minha fantasia é original e não me custa um tostão. Estou fantasiado de coroa, e o alfaiate é o tempo. Embora, sem neto, posso ser o avô das meninas, sobretudo das solteironas casadoiras e das separadas esperançosas. A música … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | 1 comentário

Droga e contradições

Adolescente não tem juízo para usar droga. Droga é para usuário, não para dependente. O usuário usa, o dependente não consegue viver sem usar. Droga não pode ser usada em público, por causa do direito do outro. O direito de não conviver com o … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

ESTUDANDO PORTUGUÊS

A Presidente, ou a Presidenta? A palavra “presidenta”, popularizada pela senhora Dilma Roussef, levou os brasileiros e brasileiras a tomarem conhecimento deste feminino da palavra “presidente”, até então desconhecido pela maioria dos eleitores. Embora tenha havido arenga gramatical, entre mortos … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | 1 comentário

A CAR(ne) de NA(da) VAL(e)

Historicamente, o Tríduo Momesmo ou Entrudo anda relacionado às orgias de Baco ou Dionísio, podendo ser chamado de Lupercais – festim em honra de Pã – Saturnais ou Bacanais. No Egito, na Grécia ou em Roma, homenageavam a deusa Ísis … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

FRAGMENTOS

Forte não é quem bate, mas quem defende. Rico não é quem tem, mas quem ajuda. Inteligente não é quem humilha, mas quem ensina. Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

NOVA ORTOGRAFIA E COMPLEXIFICAÇÃO

Ensinar Português ficou complicado quando inventaram de descomplicar. Porque muito do que era certo se tornou errado, e o que era errado passou a ser certo. A Nova Ortografia estabelece que os advérbios BEM e MAL deverão receber o hífen … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

O amanhecer, o anoitecer

O amanhecer é a hora da esperança. O anoitecer é a hora da saudade. O amanhecer é a hora da criança. O anoitecer é a hora da lembrança. O amanhecer é hora primaveril. O anoitecer é hora outonal. O amanhecer … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

BRINCAR COM A MORTE FOI MARCO ARCHER

Brincar com a morte foi o brasileiro Marco Archer Cardoso Moreira. No lugar de traficar cocaína no Rio de Janeiro, a Cidade Maravilhosa, foi negociar o alcaloide diluído em querosene logo na Indonésia. Marco Archer não parecia doido, era boa … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

PALAVRA E OLHAR

A amizade pode ser externada num OLHAR, mas a PALAVRA é o relato do sentimento. Contudo, se a PALAVRA for falsa, o OLHAR poderá externar o sentimento. Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

BIG BOBAGEM BRASIL

Sinceramente, cara, mas eu nunca vi uma modalidade de moça tão decente quanto Monique, essa menina que foi estuprada, quando estava nua e embriagada no Big Bobagem Brasil. Que menina! Ela tomou uma carraspana com um tal de Daniel, em … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Carnaval no tempo de eu menino

O frevo me arrepia as cerdas do coração. Lembra-me o tempo de eu menino. Abstraído, vou andando pela calçada, com medo de me perder na multidão. Ontem, fui passista de rua; hoje, sou passista do ar. Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Minha fantasia

A minha fantasia é original e não me custa um tostão. Estou fantasiado de coroa, e o alfaiate é o tempo. Embora, sem neto, posso ser o avô das meninas, sobretudo das solteironas casadoiras e das separadas esperançosas. A música … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

BANANA PRA TODO MUNDO

Num longo discurso sobre as virtudes da banana, há espaço até para a alegria e a felicidade, pois a banana, além de servir de combustível, produzindo energia, contém uma proteína chamada TRIPTOFANO, que o organismo a transforma em SEROTONINA, o … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

O lidar com a AGRESSIVIDADE

Na realidade, o que está existindo é uma desorganização nas manifestações de protesto. As pessoas estão movidas pela emoção, cujo resultado pode ser bom ou ruim. Não existe emoção boa ou ruim, mas o resultado daquilo que fazemos com a emoção … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

Frevo e Vassourinhas

Não é possível se falar em Frevo, sem se referir a Pernambuco,Vassourinhas e Felinho. Porque não há dúvida de que o frevo nasceu entre Olinda e Recife, e é o único ritmo genuinamente nacional. Não existe frevo nem nada parecido em lugar nenhum … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

TÚNEL DO TEMPO

(Há 26 anos – Janeiro de 1989) *Previdência anuncia fim das filas de pagamento. O aposentado teme que não haja mais pagamento. *O beijo entre os atores da TV Globo é real; falso é o emprego do pronome oblíquo. *É … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

ESTUDADO PORTUGUÊS

(O verbo “SUICIDAR-SE” é um PLEONASMO?) O verbo “suicidar-se” vem do latim sui (“a si” = pronome reflexivo) + cida (= que mata). Isso significa que “suicidar” já é “matar a si mesmo”. Dispensaria, dessa forma, a repetição causada pelo … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | 1 comentário

CARNAVAL NO TEMPO DE EU MENINO

Quando eu era menino, as orquestras do Clube Abanadores O Leão e do Clube Vassouras O Camelo mediam força na Praça Duque de Caxias. O estandarte do Camelo havia sido confeccionado por PEDRO RAMALHO, e o estandarte do Leão por … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

FRAGMENTOS (TÚNEL DO TEMPO)

(Há 26 anos) *Deus deu ao homem a água, e o homem deu ao homem a conta d’água. *No Dia de Finados, choramos por nossos mortos e por nós mesmos um dia. *Na orla marítima, em tempo de fio-dental, o … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

O PROFETA DO TERROR

Gostar de morrer é o cartunista francês Stéphane Charbonnier, editor da revista Charlie Hebdo. Como se não bastasse andar tirando onda com a cara de Maomé, ainda inventou de prever atentado na França. E acertou. Quer dizer, ele, que zombara … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

FRAGMENTOS

Todo ano faz um ano Que fazia um ano Que havia feito um ano. Não há nada mais parecido com Dezembro de 2014 do que Janeiro de 2015. Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

RELIGIÃO E CIÊNCIA

Eu não sei por que a RELIGIÃO e a CIÊNCIA buscam se explicar por caminhos diversos, trilhar veredas estranhas. Quando o homem descobre a Ciência, a Ciência já existe. A Fé e a Razão conduzem-no ao descobrimento da Verdade. Sem … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

O PASSADO, O PRESENTE E O FUTURO

O passado é o único tempo do qual temos certeza, porque sabemos contar e ninguém o resgata. Ninguém nunca ouviu falar em modificar o passado. O passado é eterno porque nunca terá fim. O presente é tão breve que nunca … Continue lendo

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário