CARNAVAL? , VAMOS FICAR EM CASA COM A DOR ESPERANDO O PRÓXIMO ANO… – por Lucivânio Jatobá.

Não haverá, nem deverá ocorrer, Carnaval em 2021. Será uma total irresponsabilidade se as “autoridades constituídas” permitirem a festa máxima pernambucana que mexe com o coração e mente do nosso povo.

Particularmente, sentirei muito essa lacuna. Em minhas décadas de existência nunca deixei de participar,de uma forma ou de outra, dos festejos momescos, primeiramente em minha Pátria, Vitória de Santo Antão, e depois no Recife. Nunca perdi um só Carnaval, exceto em 1972, em que um safado de um amigo me embriagou, no sábado de Zé Pereira, com cana de cabeça e tira-gosto de carne cobra ( que horror! Comi inocentemente). Havia passado algumas semanas antes no Vestibular da UFPE e a comemoração começou no Caldinho Ele e Ela, em Água Fria… Vomitei até a alma!

Não aguentei nem levantar a cabeça até a segunda-feira, mas na Terça, menos ruim, fui para a Pracinha do Diário….

Desde 1975, participo do bloco anárquico “Nóis Sofre, mas Nóis Goza”. Vi-o nascer, na antiga Livro Sete, com o apoio de Tarcísio Pereira, que no momento está hospitalizado, vítima do Vírus Chinês. ( Evoé, amigo Tarcísio!). Como será passar no sábado de “Carnaval” pela rua Sete de Setembro e vê-la vazia, talvez, apenas, com alguns bêbados retardatários, e algum maluco vestido de pierrot?

O Recife será tomado, não tenho dúvida, por um clima de depressão forte, que atingirá mais de um milhão de pessoas, que nunca passaram por tal adversidade. Mas não quero mais perdas de amigos… . Chega!

Mas temos que dizer e convencer os amigos e parentes: Carnaval em 2021? Nem pensar! A não ser para suicidas!

Professor Lucivânio Jatobá.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

MOMENTO PITÚ – lançamento do DVD de 30 anos da Banda Mastruz com Leite

Cachaçaria pernambucana é a patrocinadora do projeto que será divulgado em coletiva de imprensa e pocket show para o público na próxima terça-feira, 22 de dezembro, no canal oficial da banda no Youtube

Com o compromisso de apoiar e fortalecer a cadeia produtiva do setor de entretenimento e proporcionar momentos de diversão ao público, a PITÚ, cachaçaria com raízes nordestinas que tradicionalmente incentiva os mais diversos tipos de manifestações culturais por todo Brasil, é a patrocinadora do DVD acústico que marca a celebração dos 30 anos de carreira da banda cearense Mastruz com Leite. Todos os detalhes do projeto serão divulgados durante uma live na próxima terça-feira, 22 de dezembro, a partir das 20h, em formato de coletiva de imprensa e pocket show para jornalistas e público no geral, com transmissão pelo canal oficial da banda no Youtube. Após a live de lançamento, as músicas do acústico, que já foi todo gravado e está prontinho para apreciação do público, serão divulgadas ao longo das próximas semanas e o DVD completo até o final de janeiro de 2021.

A banda Mastruz com Leite e a PITÚ fazem parte do imaginário coletivo de muitos brasileiros quando o assunto é alegria, diversão, brindes e arrasta-pé. Ambas têm se reinventado no decorrer das décadas, modernizando seus formatos de expressão e de alcance ao público, mas sem perder a essência e a tradição de suas origens. São várias as gerações que nos últimos 30 anos, em alguma (ou algumas) fase da vida, já tiveram suas histórias embaladas pelos sucessos do forró Mastruz com Leite acompanhadas por uma “Pituzinha”.

Diante disso, o público forrozeiro já pode preparar o brinde e arrastar os móveis da sala para curtir o pocket show e não perder nenhum detalhe do DVD “Mastruz com Leite Acústico – Tempo Para Tudo”. O show conta com 15 músicas, incluindo clássicos que se eternizaram na história da banda, regravações e também canções inéditas.

 Sobre a banda Mastruz com Leite - Considerada uma das principais bandas de forró do Brasil, a Mastruz com Leite conta com um repertório de grandes sucessos que atravessam gerações. Pioneira em vários momentos, a banda é considerada mãe do forró eletrônico, ao incluir a guitarra elétrica nos shows, além de ser a primeira banda de forró a comandar um trio no Carnaval de Salvador (BA). Ao longo de três décadas de carreira, a Mastruz com Leite coleciona algumas conquistas como 11 discos de platina, 3 discos de ouro, e 1 disco de diamante e um alcance de abrangência Nacional e Internacional, com grandes apresentações.

Sobre a PITÚ - A Engarrafamento PITÚ, fundada em 1938 por Joel Cândido Carneiro, Severino Ferrer de Moraes e José Ferrer de Moraes, é referência nacional no setor de cachaça. Sendo uma das maiores indústrias de aguardente do Brasil, a PITÚ engarrafa e comercializa, aproximadamente, 100 milhões de litros por ano. Com quase 83 anos de história, a PITÚ – que é líder nas regiões Norte e Nordeste – é a segunda cachaça mais consumida do País e a líder em exportação do produto, estando também entre as 20 marcas de bebidas destiladas mais produzidas no mundo. Genuinamente pernambucana, a fábrica da Pitú está localizada no município de Vitória de Santo Antão, Zona da Mata do Estado de Pernambuco.

Acompanhem as redes: www.instagram.com/pitu e www.facebook.com/pitu.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Carnaval da Vitória 2021: ficaremos todos na SAUDADE……

Nem o mais cético dos foliões, no últimos carnaval,   ao som da emblemática canção de Luiz Bandeira – É de fazer chorar – em que diz que um bom  pernambucano espera  um ano inteiro para cair na brincadeira, nem por brincadeira,  poderia imaginar que, excepcionalmente,  a partir do último reinado de momo (2020), esperaria dois anos para o próximo......

Com o anuncio das autoridades do governo do estado, ocorrido na tarde de hoje (17),  em que, entre outras restrições, suspende, de fato,  o carnaval 2021  o que estava no campo da especulação, agora se configura em fato. Carnaval, agora, só em 2022.

Aliás, em função do desenrolar dos últimos fatos,  atinentes à pandemia do novo coronavirus, para as pessoas que tem um pouco mais de juízo, isso já estava “escrito nas estrelas”, ou seja: no céu de Baco – o deus do vinho e da folia,  segundo a mitologia grega.

Com efeito, na “República da Cachaça”,  os carnavalescos, foliões e brincantes, pelo menos em 2021, ficarão todos órfãos.  Acredito ser, salvo pesquisa mais aprofundada, a partir da segunda metade do século XIX, a primeira vez que Vitória não celebrará sua festa maior, ou seja: O CARNAVAL.

Aos compositores pernambucanos e, em especial,  aos antonenses um “prato cheio” para inspirações de toda ordem. Diz uma das músicas,  da quase secular Taboquinhas: “até para o ano, quando nós voltarmos...”. Para o  Casal Espacial – ETSÃO E ETSUDA – só voltando ao espaço sideral  - do lugar que vieram – para se apresentar em 2021. Da Girafa, certamente saltará uma lacuna na ininterrupta trajetória dos desfiles, ao cantarmos:  “memórias de um passado glorioso”. Um bêbado,  mais espirituoso,  dirá: “ em 2021, deu Zebra....."

Para concluir esse rosário de lamentações resta-nos, apenas,  “corrigir” uma das músicas da mais saudosa de todas as agremiações antonenses (SAUDADE),  que diz: “ vestido com o kit da alegria dou de cara com a lembrança pra brincar o carnaval....... com a família renovar as esperanças, baile  no asfalto não é todo dia.....acontece uma vez por ano, com Asas e Oara e Companhia”..... DESSA VEZ, TEREMOS QUE ESPERAR DOIS ANOS.........

Assim sendo,  não custa nada lembrar de um adágio popular que diz, “O AMOR  DORME,  PARA ACORDAR MAIS FORTE.....”, E, INEVITAVELMENTE,  COM MAIS SAUDADE!

   
Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

LIVE bate-papo – AMA: Associação Maria Amélia – com Silveira.

No conjunto das  "LIVEs", amanhã, sexta-feira, 18  de dezembro, às 17h, estaremos produzindo mais um conteúdo sobre nossa cidade - a história da AMA - Associação Maria Amélia. 

Convidamos para construir conosco esse momento, o amigo Silveira. Entre outros assuntos, abordaremos questões relacionada ao inicio desse projeto social, suas dificuldades e suas vitórias.  

Live Bate-papo – Silveira. 

Terça-feira – 18  de dezembro – às 17h –

Transmissão pelo Blog do Pilako. 

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

O Tempo Voa: Movimento de rua das Ligas Camponesas

Movimento de Rua das Ligas Camponesas em apoio a Miguel Arraes -  Cruzamento das Ruas Rui Barbosa  com 15 de novembro - década de 1950/60. 

Publicado em O Tempo Voa | Deixar um comentário

LIVE 63 – ao vivo – “Memórias Antonenses” com o professor Lucivânio Jatobá.

Recebemos para uma LIVE, na tarde de hoje (15) - para falar das suas "memórias antonenses",  o renomado professor Lucivânio Jatobá.  Na construção desse conteúdo dialogamos no sentido do seu livro - Os Caminhos na Terra das Tabocas.

O professor Lucivânio morou em Vitoria entre as décadas de 1950/60. Natural de Pesqueira, chegou com poucos meses de vida à República das Tabocas. Com uma memória afetiva/sentimental impressionante  resolveu registrar  as lembranças num  livro. Na live, ele narrou, além das suas memórias, fatos históricos da cidade de um outro ponto de vista, assim como pontuou costumes e tradições do nosso lugar.

ASSISTA A LIVE COMPLETA AQUI.

Publicado em A Lupa | 1 comentário

LIVE(s) com os candidatos: arrecadação entregue ao presidente do Instituto Histórico.

Sem reuniões formais há meses,  em função das recomendações sanitárias, o Instituto Histórico segue trabalhando de maneira remota, por assim dizer. Por ironia do destino, justo em 2020, ano em que o guardião da cultura antonense completou 7 décadas de ininterruptos e relevantes serviços prestados à sociedade. Com efeito,  o que se havia planejado  antes (2019), ou seja,  uma robusta e intensa programação de eventos e  comemorações cuja culminância estava prevista para 19 de novembro – data da fundação (19-11-1950) - não pode ser executada.

Pois bem, em recente encontro marcado com o presidente, professor Pedro Ferrer,  repassei-lhe a contribuição financeira que, através da “série de entrevistas com os candidatos a prefeito e vice da nossa cidade",  realizado pelo nosso jornal eletrônico, intitulado Blog do Pilako, consegui arrecadar.

Apenas para refrescar a memória dos internautas, esses valores foram frutos das perguntas que formulamos aos candidatos sobre questões relacionadas à história do nosso município. Aliás,  vale salientar, foi um “quadro” bastante  elogiado pelos milhares de internautas que acompanharam toda programação/sabatina.

Assim sendo, na medida do possível, estamos sempre contribuindo com as boas causas antonenses. O Instituto Histórico e Geográfico da Vitória é um bom exemplo......

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

O Tempo Voa – Batizado de Paulinho Lima.

Batizado do amigo Paulinho Lima – Matriz de Santo Antão – 1956.

Entre outros:  da esquerda para a direita: Olívia Amorim ( mãe de Toinho Amorim), José Amorim, Dr. Jurandir, minha mãe em pé, meu pai, Chico Congo, em pé Ivanildo Garçom, a senhora de óculos era de Recife ( Lenira) e a outra senhora é prima da minha mãe ( Diquinho, filha de Antonio Menezes e Nãna Pereira) - por Paulinho.

Publicado em O Tempo Voa | 1 comentário

LIVE bate-papo – Memórias Antonenses – com o professor Lucivanio Jatoba.

No conjunto das  "LIVEs", amanhã, terça-feira, 15  de dezembro, às 17h, estaremos produzindo mais um conteúdo de "Memórias Antonenses"  -  espaço dedicado ao passado da nossa cidade. 

Convidamos para construir conosco esse momento, o professor Lucivanio Jatoba. Entre outros assuntos, abordaremos questões relacionadas ao  conteúdo do seu livro que fala da sua infância, vivenciado em nossas terras. 

Live Bate-papo – professor Lucivanio Jatoba. 

Terça-feira – 15  de dezembro – às 17h –

Transmissão pelo Blog do Pilako. 

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Aniversário de 4 anos de fundação do grupo de corrida Vapor da Vitória.

O ano de 2020 será lembrando para sempre na história da humanidade. Na individualidade de cada sujeito desse conjunto planetário,  há de haver uma leitura diferente desse processo pandêmico. Nesse turbilhão de sentimentos, frustrações e aprendizados,  arrisco-me dizer que os amantes da corrida de rua tornaram-se mais fortes.

Nesse sentido, respeitando os limites impostos pela boa convivência em tempo de pandemia, na tarde do sábado (12),  o grupo do qual faço parte – Vapor da Vitória -, juntamente com boa parte dos pares, comemoramos o 4º ano de fundação do referido grupo.

Com direito a medalha, bolo, água, frutas e uma corridinha animada de 5 km,  nas vias centrais da cidade, pela energia e vibração, pude inferir,   “IN LOCO”, que a saúde mental e física da galera estão preservadas, apesar das  variáveis circunstancial haverem operado no sentido contrário.

Assim sendo, aproveito para agradecer aos administradores – por não deixarem  a peteca cair – e parabenizar todos os participantes do grupo pela determinação em manter-se saudável e produtivo num período turbulento por demais - #SOMOSTODOSVAPOR...

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

LIVE 62 – ao vivo – sobre saúde do “Aparelho Digestivo” com o gastroenterologista João Batista Xavier.

Recebemos para uma LIVE, na tarde de hoje (11) - inaugurando o espaço dedicado à "saúde", para falar do funcionamento do "Aparelho Digestivo",  o gastroenterologista João Batista Xavier.  Na construção desse conteúdo dialogamos sobres doenças, prevenção, cura e alguns "mitos",  sobre o referido assunto.

Atuando na nossa cidade desde 2004, doutor João Batista Xavier tem suas  raízes familiares fincadas em Vitória de Santo Antão, neto de querido casal Aloísio e Eunice Xavier. Profissional qualificado e estudioso, há mais de uma década, doutor João montou a sua clínica - gastrus - Gastroenterologia e Endoscopia Digestiva - na "Praça da Matriz". Para maiores informações, favou entrar em contato pela página do  Instagran - @gatrusclinica. 

ASSISTA A LIVE COMPLETA AQUI.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Disse Pedro Ferrer: “aqui não falta Pitú….”

O fato já foi devidamente registrado pela importante revista da época –  “O Cruzeiro” -  e depois, oportunamente,  pelo nosso jornal eletrônico, intitulado Blog do Pilako.  Trata-se do constrangimento de um dos fundadores do Engarrafamento Pitú, “Seu” Nô Ferrer,  na ocasião em que recebeu em sua residência, aqui em Vitória, o então candidato João Goulart, que depois virou presidente do Brasil. Em ato continuo, para emoldurar  o encontro eleitoral, por assim dizer,  o visitante solicitou uma “lapada” do produto mais famoso da cidade que era  justamente produzido pela fábrica do anfitrião.  Moral da história: “Seu” Ferrer , naquele momento,  não possuía  uma garrafa de Pitú em casa, motivo pelo qual teve que, às pressas, mandar comprar uma na   esquina  - “ Venda  do “Seu” Aurélio” -   para servir o ilustre visitante – isso ocorreu em 1955.

 Não custa nada evocar  o adágio popular que diz:   “casa de ferreiro, espeto de pau”.

Pois bem,  passadas  seis décadas e meia do “ocorrido”, eis que semanas  atrás, na mesma  casa – um grupo de “convidados” acompanhava o filho de “Seu” Nô Ferrer  - Pedro Ferrer – numa descontraída e animada roda de bate-papo regada, predominantemente,  ao produto genuíno da “República da Cachaça”  ao passo que um dos componentes do grupo exclamou: “eita! Acabou. Coloquei a última dose agora”.

Rápido no gatilho, o “Don Pedrito”, em voz alta – algo que não é uma exceção,  sobretudo depois de  tomar umas e outras -,   disse:  “acabou nada! Tem outra na geladeira. Aprendi a lição com  o meu pai. Aqui não falta Pitú”.

A “bicha” chega veio “nevada”.........

     
Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

A cidade de Pombos com “idade nova”…

Antes distrito da Vitória, agora, a simpática vizinha cidade de Pombos, exatamente hoje – 11 de dezembro - comemora mais um ano de emancipação política. O desmembramento ou autonomia, por assim dizer,  deu-se em 1963. Abaixo, portanto, reproduzo matéria postada anteriormente nesse espaço, em que realçamos o motivo pelo qual a referida cidade  recebeu o de Pombos.

Por conta dos comerciantes caçadores, nossa vizinha cidade, hoje, se chama POMBOS.

Na Vitória de Santo Antão de antigamente, segundo os livros que contam nossa história, a então “Rua da Lagoa do Barro” – hoje Praça Duque de Caxias – tinha muita lama e camaleão. Os cavalos dos matutos,  carregados com mercadorias, vindo das diversas partes da Zona Rural, não raro, trafegavam enfiando as patas  (até o meio) nas vias lamacentas. Nessa época o comércio da Vitória funcionava aos domingos até às 9h.

Costumava-se nas folgas dominicais, homens de negócio e pessoas de posses,   “matar” o tempo nas matas,  se divertindo com suas espingardas. Carregadas nos ombros em busca dos alvos em movimentos, os “caçadores”, por assim dizer, se deslocavam para o lado poente da cidade no qual havia grande quantidade pombos bravos (asa branca).

Na segunda-feira, sem fregueses no comércio e com tempo de sobra, nas calçadas dos estabelecimentos, as aventuras e as peripécias eram contadas como vitorias aos amigos comerciantes,  que não puderam comparecer na empreitada prazerosa. Ao serrem questionados, falavam com galhardia: “foi um verdadeiro são joão nos pombos”.

Eis ai, portanto, o motivo pelo qual a nossa cidade vizinha, que um dia já foi distrito da Vitória de Santo Antão, ficou catalogada por POMBOS. Hoje, porém, certamente poucas pessoas de lá saibam exatamente o motivo pelo qual são pombenses de nascimento.

 
Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

DICIONÁRIO ONOMÁSTICO DA VITÓRIA DE SANTO ANTÃO – no forno…

O jornalista vitoriense, Marcus Prado, em parceria com a sua irmã, Marina Prado Aguiar, professora aposentada, estão pesquisando sobre os 100 últimos anos de formação da família vitoriense, entre os nascidos ou adotados na nossa terra.

O trabalho, pioneiro, resultará no DICIONÁRIO ONOMÁSTICO DA VITÓRIA DE SANTO ANTÃO. Toda pesquisa tem como fonte a memória oral de antigos moradores e velhas publicações.

A principal fonte ainda não pesquisada por causa da Pandemia do Covid 19, que obriga o isolamento social, será os arquivos do Instituto Histórico. Mesmo assim, segundo os autores, já foram catalogados mais de 1.500 nomes. A expectativa é encerrar com mais de 2 mil referências onomásticas. O projeto compreende a edição de um e-Book para livre acesso na Internet. Extraordinária iniciativa!

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

LIVE bate-papo sobre o “Aparelho Digestivo” com o médico gastroenterologista João Batista Xavier.

No conjunto das  "LIVEs", amanhã, sexta-feira, 11  de dezembro, às 17h, estaremos produzindo a primeira edição sobre "saúde"  -  espaço dedicado aos profissionais da área (saúde)  que atuam em nossa cidade. 

Convidamos para construir conosco esse momento, o médico gastroenterologista João Batista Xavier.  Entre outros assuntos, abordaremos questões relacionadas ao "aparelho digestivo" - causa, cura e prevenção das mais variadas  doenças.   

Live Bate-papo – médico gastroenterologista João Bastita Xavier

Sexta-feira – 11  de dezembro – às 17h –

Transmissão pelo Blog do Pilako. 

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

O BOM TRATAMENTO – por Sosígenes Bittencourt.

O ser humano é cativo do bom tratamento.

Há diferença entre VER e OLHAR, OUVIR e ESCUTAR. Olhar é ver com atenção. Escutar é ouvir com atenção.

Há quem conquiste, mostrando. Há quem conquiste, olhando. Há quem conquiste, falando. Há quem conquiste, escutando.

Questão de paciência. A paciência é a maior das virtudes, porque não há virtude sem paciência.

Sosígenes Bittencourt

Publicado em Fala, Vitória! | Deixar um comentário

MOMENTO PITÚ.

Publicado em Anúncios | Deixar um comentário

LIVE 61 – ao vivo – sobre a corrida de rua – “Grupo Vapor da Vitória” – com Júnior Fisioterapeuta.

Recebemos para uma LIVE, na tarde de hoje (8), um dos fundadores do grupo de corrida de rua "Vapor da Vitória", Junior, e também um dos membros, Edson José. Na construção desse conteúdo, em que realçamos, entre outras coisas, o movimento esportivo - corrida de rua e seus benefícios - falamos também da história da criação do referido grupo.

Justamente no dia de hoje - 08 de dezembro de 2020, o grupo "Vapor da Vitória" completa 4 anos de fundação. Voltado para os que se dedicam à modalidade esportiva,  "corrida de rua", Júnior relembrou os momentos marcantes do incio do grupo. Na sua participação, Edson, realçou a importância do grupo para o tratamento de sua saúde física e mental.

ASSISTA A LIVE COMPLETA AQUI.

Publicado em A Lupa | 2 comentários

Vacina contra a covid-19: estamos todos na fila….

Desde o anuncio da pandemia do novo coronavirus, ocorrido nos primeiros meses de 2020, que a comunidade planetária esperava por esse momento. Após haver cumprido os trâmites científicos, exigidos nesses casos, o Reino Unido aplicou a vacina numa pessoa fora do “conjunto de teste”.

A senhora britânica Margaret Keenan, de 90 anos, recebeu a dose num hospital do centro da Inglaterra às 6h31 min de hoje (08) – 3h31 min horário de Brasília. A referida vacina foi desenvolvida pela farmacêutica Pfizer e a empresa de biotecnologia BioNTech.

Daqui, da nossa “aldeia” – Vitória de Santo Antão – resta-nos esperar....E a fila está  grande. Sob todos os aspectos fomos também “infectados” por esse vírus, alguns, infelizmente,  não resistiram,  outros tantos se safaram, mas  todos, sem exceção, teve sua vida impacta.

Fiquemos, desde já, contado os dias, horas e minutos para registrarmos o primeiro brasileiro, pernambucano e antonense  a serem imunizado, cada qual no seu torrão. Acredito que o pior já tenha passado............Vamosimbora!!!

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

O Tempo Voa: “Rua do Braga”.

Rua Rui Barbosa   – antigamente, também conhecida  por  “Rua do Braga” – hoje,  popularmente chamada  por “Rua das Americanas” – ano não registrado. 
Publicado em O Tempo Voa | 1 comentário

“Seu” Zé Varela: um antonense completo!!!

Sob todos os pontos de vista, hoje,  nossa “aldeia” – Vitória de Santo Antão – amanheceu mais pobre. Aliás, o falecimento do senhor José Viana Varela –  “Seu” Zé Varela -, se bem observado, na verdade, empobrece o conjunto de seres humanos no planeta terra, algo em torno de 7,5 bilhões de pessoas.

Seu jeito simples, prestativo e sincero cativava todos que com ele convivia. Por um minuto apenas, por dias, por anos, décadas ou mesmo orbitou na sua profícua existência – 95 anos e alguns meses. Um patrimônio da terra de Santo Antão.

No tempo em que Vitória possui poucos automóveis, “Seu” Zé, já dirigia avião “pra cima e pra baixo”. Consertava motor de tudo quanto era cilindrada. De tanto “mexer” com esses bichos, em 1949, criou até um clube para congregar o conjunto – homem e máquina: CLUBE DOS MOTORISTAS.

Na qualidade de carnavalesco, “brincou” até as penas não aguentarem mais.......Foi, sem sombra de duvidas, um dos verdadeiros construtores da nossa festa maior – O CARNAVAL DA VITÓRIA.

Apesar da nossa diferença de idade, tive o privilégio da sua fraterna convencia. Ele foi amigo meu pai, Zito Mariano.  Através das promoções carnavalescas que estive a frente nunca perdi a oportunidade de homenageá-lo em vida. Por várias vezes, registrei alguns dos seus depoimentos,  sempre vibrantes e carregados de emoção.

Assim sendo, nesse mar de incertezas sobre o nosso carnaval 2021, apenas uma certeza: o nome de Zé Varela deverá ser o emprestado aos “deuses do carnaval” na sua próxima e efervescente edição.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Pitú doa materiais de trabalho a microempreendedores do litoral nordestino.

Em ação de incentivo aos microempreendedores que atuam no litoral nordestino, a Engarrafamento Pitú está doando materiais de trabalho para comerciantes das praias de Porto de Galinhas (PE), Cupe (PE), Coqueirinho (PB), Pipa (RN), Madeiro (RN) e Fortaleza (CE).

A parceria entre a cachaçaria pernambucana e os vendedores litorâneos começou há mais de dez anos, na praia de Porto de Galinhas, litoral sul de Pernambuco, quando a Pitú realizou o primeiro cadastro para a restauração dos carrinhos das senhoras que vendem ensopados de marisco, sururu e siri na areia da praia.

Neste contexto de pandemia, entendendo a importância de apoiar e fortalecer o trabalho que garante o sustento daquelas famílias, a empresa restaurou e entregou mais 46 carroças para as vendedoras de ensopados, ampliando o investimento também para os demais comerciantes que vendem cachorro-quente, bolos de goma, caldinhos, entre outros insumos na orla de Ipojuca. Além da renovação dos meios de transporte dos produtos, os trabalhadores foram beneficiados com guarda-sol, bonés, copos descartáveis e produtos da Pitú. Todos eles, incluindo os bugueiros que fazem passeios turísticos, receberam camisas UV para proteção solar.

A ação da Pitú também se estende a outros estados do Nordeste. Os comerciantes que possuem barracas e bares nas praias de Coqueirinho, Pipa, Madeiro e Fortaleza estão sendo contemplados com camisas UV, camisas polo e outros materiais de trabalho doados pela empresa.

Publicado em A Lupa, Anúncios | Deixar um comentário

LIVE bate-papo sobre a corrida de rua – “Grupo Vapor da Vitória” – com Júnior Fisioterapeuta.

No conjunto das “memórias” importantes sobre a nossa “aldeia” – Vitória de Santo Antão -, amanhã, terça-feira, 8  de dezembro, às 17h,  estaremos produzindo mais uma “Live bate-papo”  do Blog do Pilako. 

Convidamos para construir conosco esse momento, um dos fundadores do "Grupo do Vapor da Vitória", Júnior Fisioterapeuta, do "ATIVO" - consultório de fisioterapia.  Entre outros assuntos, abordaremos questões relacionadas à atividade esportiva e também sobre a história do grupo - "Vapor da Vitória".  

Live Bate-papo – Júnior Fisioterapeuta - Grupo Vapor da Vitória.

Terça-feira – 8  de dezembro – às 17h –

Transmissão pelo Blog do Pilako. 

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

José Varela – por Pedro Ferrer.

José Viana Varela, carnavalesco, mecânico, motorista , piloto e amigo do Instituto Histórico. Amigo do meu pai, de Paluca e Zé Augusto. Deixa saudade. O peito aperta. Nos últimos 15 anos nos encontrávamos com frequência.

O Instituto prestou  homenagem concedendo-lhe a COMENDA INSTITUTO HISTÓRICO. Na ocasião da homenagem, o mesmo (Varela) deu-nos de presente a hélice do PP HIV -  primeira aeronave que chegou para o nosso aeroclube. Por último deu-nos uma furadeira que pertenceu ao seu avô. Parta em paz, amigo Zé Varela.  Receba as sinceras homenagens do nosso INSTITUTO HISTÓRICO - relicário da cultura antonense -  e deste amigo e admirador. Aos familiares,  conforto neste doloroso momento. A dor maior é a saudade....

Professor Pedro Ferrer - presidente do Instituto Histórico e Geográfico da Vitória. 
Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

O nosso Instituto Histórico é parceiro do projeto “Memória Militar – Origem do Exército”.

Pelas múltiplas lentes dos tempos atuais, na manhã de hoje (04),  o projeto “Memória Militar – Origem do Exército” foi lançado pelo General de Exército Marcos Antônio  Freire Gomes , Comandante Militar do Nordeste, e pelo General de Divisão Ivan Ferreira Neiva Filho, Comandante da 7ª Região Militar. A cerimônia ocorreu no Parque Histórico Nacional dos Guararapes.

Com projeto arrojado e futurístico o evento congregou representantes de várias entidades correlatas e parceiros de reconhecido peso agregador. Entre outros objetivos  do projeto podemos dizer  que o "mergulho"  na história do próprio Brasil e nos primeiros passos do Exército Brasileiro seriam os nortes dessa empreitada cívica,  que aponta na direção do futuro.

Torna-se imperioso ressaltar que a criação de novos ambientes  de negócios,  na chamada cadeia produtiva  sustentável do turismo,  dando  ênfase, evidentemente à  educação patrimonial, sobretudo no conjunto das crianças e jovens , passando por um calendário de eventos de toda ordem -   com olhar atento às novas tecnologias -  sem esquecer, claro,  de integrar as comunidades no entorno dos patrimônios culturais,  são  alguns  dos desenhos  já formatados.

No bojo dessas ações, além do próprio “Monte dos Guararapes”,  “Forte do Brum”, "Forte das Cinco Pontas" e etc, o nosso Monte das Tabocas, inicio vitorioso de toda saga luso-brasileira na expulsão do invasor holandês,  a partir de 3 de agosto de 1645, seria contemplado nesse circuito e, consequentemente, através de ações amplas e pontuais, ganharia um novo significado,  sobretudo para os antonenses.

Fazendo parte desse projeto desde sua gestação primaria, por assim dizer, o nosso Instituto Histórico, que nesse ato foi representado pelo presidente e primeiro vice-presidente – Pedro Ferrer e Cristiano Pilako – vem colaborando  de maneira significativa para que o mesmo (projeto) consiga ser viabilizado na sua plenitude sendo, inclusive,  fornecedor de informações históricas, técnicas e contribuindo também com ideias e sugestões.

Assim sendo, na qualidade de vitoriense sintonizado com a nossa história, espero que o nosso "pedaço de chão" mais importante - Sítio Histórico do Monte das Tabocas -,  com a força do Exército Brasileiro, finalmente consiga deslanchar e ocupar o seu devido lugar na história do Brasil e do "mundo ocidental". 

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

Momento FAMAM – Faculdade Macêdo de Amorim.

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário

SOLIDARIEDADE: uma “galera” do bem…

As boas ações devem ser sempre repercutidas. Nesse contexto, recentemente, encontrei um grupo de jovens, na Praça Leão Coroado, promovendo uma ação social. Inclusive, conheço alguns deles. O bom exemplo, a formação familiar aliada a educação social, mais cedo ou mais tarde, frutificará. Assim sendo, palmas para essa “galera” que  já despertaram para algo que melhora a vida de qualquer vivente, ou seja: solidariedade!

Publicado em A Lupa | 1 comentário

LIVE 61 – ao vivo – com os diretores da ADVISA, Alexandre Rogério e Alberdan Marçal.

Recebemos para uma LIVE, na tarde de hoje (3), os diretores da ADVISA, Alexandre Rogério e Alberdan Marçal. Na construção desse conteúdo, em que realçamos o "Dia Internacional das Pessoas com Deficiência", abordamos os avanços e os retrocessos sociais nessa questão.

No dia de hoje - 03 de dezembro - tem como objetivo informar a população sobre todos os assuntos relacionados  a deficiência, seja física ou mental. Assim sendo, Alexandre e Rogério, além de contextualizar o tema de maneira ampla, elencou várias dificuldades dos membros da ADVISA na nossa cidade. Levantou também, entre outros, problemas da acessibilidade no transporte público local.

ASSISTA A LIVE COMPLETA AQUI.

Publicado em A Lupa | Comentários desativados em LIVE 61 – ao vivo – com os diretores da ADVISA, Alexandre Rogério e Alberdan Marçal.

Monte das Tabocas: projeto do Exército Brasileiro segue avançando!

Previamente agendado para o dia de ontem (02), na “Casa do Imperador”, ocorreu mais uma  reunião entre a diretoria do  Instituto Histórico, militares e  técnicos do Exército Brasileiro que tem, entre outros objetivos, incluir o nosso Monte das Tabocas no roteiro oficial turístico daquilo que chamamos de “presença holandesa em território pernambucano”.

No primeiro momento, a partir das 9h, no Salão Nobre do Instituto, o grupo debateu sobre o contexto histórico  do nosso “Monte” assim como dos possíveis encaminhamentos no sentido da sua viabilização,  como roteiro turístico, tal qual o “Monte dos Guararapes”,  "Forte do Brum" e etc.

Após  a “tropa” circular entre as relíquias do acervo do Instituto a mesma seguiu  ao “Museu da Pitú”. Em rápida parada para o almoço –  Restaurante Carnes & Galetos – o último compromisso da missão, por assim dizer,  foi justamente no Monte das Tabocas.  Em breve, a diretoria do Instituto Histórico se fará presente num encontro ampliado, em Recife,  no qual  serão traçadas novas metas e objetivos para que tudo isso saia do papal e ganhe vida no mundo real. #TODOS NA TORCIDA!!!

Publicado em A Lupa | 1 comentário

LIVE bate-papo sobre o “Dia Internacional das Pessoas com Deficiência (03), com os amigos Alexandre Rogério e Alberdan Marçal.

No conjunto das “memórias” importantes sobre a nossa “aldeia” – Vitória de Santo Antão -, hoje, quinta-feira, 3  de dezembro, às 17h,  estaremos produzindo mais uma “Live bate-papo” do Blog do Pilako sobre o "Dia Internacional da Pessoa com Deficiência". 

Convidamos para construir conosco esse momento, os amigos diretores da ADVISA, Alexandre Rogério e Alberdan Marçal.  Entre outros assuntos, abordaremos questões relacionadas às dificuldades encontradas por eles na sociedade em geral,  tanto nas questões estruturais quanto atitudinais. 

Live Bate-papo – Alexandre Rogério e Alberdan Marçal (ADVISA).

Quinta-feira – 3  de dezembro – às 17h –

Transmissão pelo Blog do Pilako. 

Publicado em A Lupa | Deixar um comentário