Nessa”guerra idiota”, produzida pelos políticos, de qual lado você ficará?

Segundo pesquisas de opinião, dos mais variados institutos, a classe política brasileira nunca esteve tão em baixa. São escândalos e desmoralização de toda ordem. Em regra geral para a maioria esmagadora da população, a palavra “POLÍTICO” virou sinônimo de ladroagem, safadeza, pilantragem e coisa errada. Quem mais sabe disso são os próprios…

Pois bem, contando com o mau humor do eleitorado, numa proporção nunca vista antes, os senhores postulantes, sobretudos os detentores de mandatos – os verdadeiros profissionais do ramo político – já começaram a traçar suas manobras para escapar do julgamento da eleitor mais atento.

Sem poder tratar do tema honestidade e ética, por exemplo, uma vez que praticamente todos os partidos são contribuintes da chamada corrupção sistêmica nacional, alguns segmentos políticos estão  “investindo” pesado nos temas polêmicos,  para “distrair” o eleitor da agenda central das disputas, ou seja: àquelas que deveriam esclarecer o eleitorado e instrui-lo,  para melhor escolher seus “legítimos representantes”,  no pleito que se avizinha (2018).

Um bom exemplo disso é o conteúdo de caráter religioso e profano que estão tomando conta dos grandes meios de comunicação de massa, sobretudo nas redes sociais. Os postulantes – tipo vigaristas ideológicos – que integram os partidos com vocação mais à esquerda, se colocam em favor das minorias – que atuam como verdadeiros bolsões eleitorais – sob o argumento da liberdade de expressão, do poli-amor e da arte extravagante.

Já os políticos do tipo “vigaristas comportados”, aqueles que carregam o fruto do roubo dentro de uma bíblias, por exemplo,  defendem os bons costumes e vociferam em favor das famílias. Ora!! Em tempos  de falta do que dizer aos eleitores, transforma Jesus Cristo e Nossa Senhora em “cabos eleitorais”, ou exigir respeito às comunidade LGBTs,  ou coisa do gênero, é incentivar a divisão  do eleitorado, esperar o dia da eleição, e “correr para o abraço”. Ou seja: é preparar o novo paletó para ser empossado novamente.

A maioria do eleitorado, coitado, não tem noção de como as coisas se processão na cabeça dessa raça (políticos). Infelizmente, essa é uma realidade que todos nós teremos de enfrentar, afinal,  vivemos em um regime democrático. Nesse contexto,  sobram votos para os dois lados antagônicos vencerem e continuarem no poder. Certa vez, disse o pensador pernambucano,  Nelson Rodrigues: “Os idiotas vão tomar conta do mundo; não pela capacidade, mas pela quantidade. Eles são muitos”.

Esta entrada foi publicada em A Lupa, Editorial. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

4 respostas a Nessa”guerra idiota”, produzida pelos políticos, de qual lado você ficará?

  1. Amigo Pilako seu texto me pareceu confuso. Você critica “gato e cachorro” no seu artigo, mas não foca no mais escandaloso: a pedofilia e seus asseclas!
    Que politico no brasil não tem moral nem pra nada isso todos sabemos, porem relativizar os atos orquestrados de ofensa à família, de ofensa a Deus, de ofensa às crianças e Igrejas é no mínimo triste, muito triste.
    na verdade suas palavras amigo Pilako só servem pra aumentar a confusão reinante na nossa sociedade.
    Você até compara políticos de esquerda com políticos que estão a defender a família brasileira, pondo-os numa mesma peneira imoral- leda maldade a sua.
    No mais é a leniência do povo que permite tudo isso que hj se processa….
    lembro-lhe que esse movimento de homossexualizar nossas crianças é uma aberração dantesca, pois envolve a violação da inocência, e da saúde mental e física de inocentes.
    Amigo Pilako seu artigo “indignado” mais ajuda aos bandidos gays e pedófilos do que ajuda a salvar avida emocional, moral e espiritual de tantas crianças e jovens no brasil. Vc faz o jogo da esquerda xucra, que hj milita com bandeiras múltiplas: ecologia, nacionalismos, pacifismos, desarmamentismos, cultura gay, ateísmo, etc…
    Amigo Pilako voce como muitos estão inebriados pela mentira universitária que tende formar zumbis ideológicos, papagaios repetidores de idéias laboradas nas ideologias, mas trago-lhe o seguinte pensar:
    “A coisa mais extraordinário do mundo é um homem comum, uma mulher comum e seus filhos comuns” by G.K Chesterton
    E è verdade nobre Pilako o que há de mais profundo na humanidade é a família, e malditos os que querem destruí-la.
    Pilakinho seu artigo corrobora, mesmo sem intenção, incentiva a que o plano socialista-gaysista desgrace nossa sociedade.
    Na Grécia e no Império Romano, o uso de menores para a satisfação sexual de adultos foi um costume tolerado e até prezado. Na China, castrar meninos para vendê-los a ricos pederastas foi um comércio legítimo durante milênios. No mundo islâmico, a rígida moral que ordena as relações entre homens e mulheres foi não raro compensada pela tolerância para com a pedofilia homossexual.
    É isso que as ideologias querem de volta, posto, agradar ao demônio.

  2. Wedson Garcia disse:

    Excelente texto Pilako. Uma visão imparcial do que acontece em nosso cenário atual. Seu texto não tem nada de confuso. Ofensa a família são os escândalos que ocorrem diariamente dentro das igrejas católicas espalhadas pelo mundo todo. Pedofilia é o que determinados padres praticam dentro dessas mesmas igrejas e são intocáveis. E não tem nada de maldade em sua fala quando você compara os políticos de esquerda com aqueles que escondem seus verdadeiros interesses atrás de uma bíblia. Na verdade é a pura realidade. O tipo de comentário acima Pilako só reforça o meu pensamento sobre a ignorância que infecta nossa sociedade como uma praga comparada a peste negra medieval. Mas não falo da ignorância no sentido de falta de conhecimento e sim de uma ignorância praticada por uma classe média alta podre e por falsos intelectuais que cultuam os Bolsonaros da vida e ainda acham que tem o direito de dizer a quem eu devo amar, o que eu devo vestir, em quem e no que eu devo acreditar, como eu devo educar os meus filhos e etc. Esse discurso de ódio e totalmente partidário que vemos aí em cima já ta saturado. É incrível ver que mesmo após todos esses escândalos políticos dos últimos anos, ainda existam comentários como esse, atacando a esquerda e defendendo “ideais” de direita. E ainda pior: defendendo bancadas religiosas que em muito atrapalham a democracia de nosso país. Somos uma nação laica, então guardem suas morais religiosas e preconceituosas para vocês. Esquerda, direita, são igualmente corruptos e vigaristas, e imbecil é quem defende qualquer um desses lados. Viva Exú, Chico Xavier, Gandhi, Jesus Cristo, Dalai Lama. Viva todas as formas de amar. Viva o ser humano e suas tantas diversidades. Fora ignorância, basta de preconceitos e discursos de ódio.

    • Manoel Carlos disse:

      Seu Wedson Garcia suas letrinhas escritas são, no mínimo, a cara do Brasil atual. Cheio de clichês.
      Vc indica ser de uma cepa vigorosa em atitudes hipócritas, pois criticam a intransigência,mas na verdade não suportam questionamentos.
      É tão mequetrefe sua argimentações que de tão repetidas pelas “massas” esquerdistas nada diferem uma da outra. Leu-se uma e já se sabe o conteúdo de todas.
      Vc copiou e colou “seu” texto de que “coletivo” LGBTZXQRSTUN?
      Vcs da esquerda “pensam” da mesma forma, por isso não raciocinam nem na hora de escrever um texto.
      “Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual”, já dizia Lenin no seu Decálogo, e vejo que vc, é uma das peças “perfeitas” dessa ideologia que idiotiza e bestializa a tantos.
      Vc cita até a IDADE MEDIEVAL, HUM…. kkkk
      Deixe de petulância e vá estudar rapaz; de sério, tenho certeza que nada vc leu sobre Idade Média, no máximo vc, leu as tirinhas de jornais escritas por jornalistas analfabetos. Vc não sabe nem o que foi a batalha de Lepanto para falar de Idade Média, e vem falar de peste negra. Me engana que eu gosto.
      Tu por acaso já ouvisse falar de Balduíno IV, modelo perfeito de monarca francês, espelho do próprio Cristo, Rei do Rei de Jerusalém?
      Santo Eduardo o Confessor, Rei da Inglaterra ?
      Menino crescido tu sabes que na Idade Média forma fundadas as Universidades, e todas elas católicas?
      Tu sabes que o próprio Vaticano possui um observatório astronômico, premiado internacionalmente ?
      Além disso, a Santa Sé mantém a Pontifícia Academia de Ciências, da qual fizeram parte nada menos que 70 cientistas ganhadores do Prêmio Nobel.
      São centenas as universidades de destaque mundial criadas e mantidas pela Igreja. São muitos e relevantes os cientistas que reconhecem as limitações da razão diante do mistério, cara. São muitos os cientistas e seus familiares que se convertem à fé. E é longa a lista de descobertas científicas e avanços tecnológicos que devemos a religiosos e religiosas.
      Seu Wedson Garcia (se for esse seu nome mesmo) a Igreja tem dois mil anos, construiu a civilização ocidental, redesenhou o mundo e você quer que eu não a leve em consideração ao falar sobre Estado, sociedade e temas de ordem moral? É isso mesmo?
      Você e seus comparsas ideológicos degenerados de todos os tipos, quer impor sua vontade e decidir o que eu posso ou não falar? É isso mesmo?
      Ah, “tá”, entendi…
      Ei, psiu, estude e, depois, bem depois, venha falar comigo.
      Estado sem religião é como um coração sem sangue irrigando-o, ou seja, morto!

  3. Meu Deus. Quem é esse “serzinho” tão arrogante e prepotente que acha que só ele sabe das coisas? kkkk. Como você é patético meu filho. Quer dizer… filho não né, você tem idade pra ser meu bisavô. Isso explica tamanho reacionarismo. Tenho alunos na federal com bem menos idade que você com discursos bem mais originais do que esse tiroteio de ofensas e preconceitos que você insiste em disparar em vários artigos nesse blog. Que necessidade é essa de chamar a atenção? Pequeno senhor, coloque-se no seu lugar. Você não é o dono da verdade. É só um cãozinho domesticado pelos dogmas ultrapassados da igreja católica. Evolua rápido, você já passou da idade de fazer isso. Beijinho e não esqueça de amolecer seu coração. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *