Apelidos Vitorienses: LAVOURA

Dentro da nossa coluna “APELIDOS VITORIENSES“, dessa vez o contemplado a revelar a origem de seu apelido será o nosso amigo Paulo Fernando Alves Ferreira, ou simplesmente,  LAVOURA.

Desde que me “entendo por gente” que conheço Lavoura. Filho de seu Zé Padre, amigo do meu pai, Lavoura foi “maloqueiro” na Matriz junto com meus irmãos. Sempre extrovertido, é um dançarino nato.

Contou-nos o amigo Lavoura que nos tempos de ‘rapazote” estava jogando dominó na calçada com os amigos perto de casa, ali pela Praça Severino Ferrer, mais conhecida como Praça do Fórum, quando São Pedro mandou chuva.

Disse ele que todos correram para se abrigar da chuva e ele foi o único que continuou sentado na banca de dominó. Ismael, um dos jogadores ficou dizendo : “oxe… isso é que é gostar de chuva… isso é uma lavoura..”

Desse dia em diante, há pelo menos umas quatro décadas, que o nosso amigo Paulo Fernando Alves Ferreira, o popular LAVOURA ficou batizado, sendo assim, esse é mais um vitoriense que é mais conhecido pelo apelido de que pelo próprio nome.

Veja outros Apelidos Vitorienses:

Esta entrada foi publicada em Apelidos Vitorienses, Editorial. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

5 respostas a Apelidos Vitorienses: LAVOURA

  1. Pingback: APELIDOS VITORIENSE: OLHO DE PIRES | Blog do Pilako

  2. Pingback: Apelidos Vitorienses: ROBÔ ou AMERICANO? | Blog do Pilako

  3. Pingback: Apelidos Vitoriense: TORTO | Blog do Pilako

  4. Pingback: Apelidos Vitoriense: Doutor do Posto ou Doutor da Oficina. | Blog do Pilako

  5. Pingback: Apelidos Vitoriense: Natal do Churrasquinho. | Blog do Pilako

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *