Tudo é História: é a segunda vez que a Feira Livre da Vitória para por questões sanitárias.

Em virtude dos desdobramentos de mais um avanço da pandemia  do novo coronavírus a tradicionalíssima Feira Livre da nossa “aldeia” – Vitória de Santo Antão – estará suspensa nos próximos dois sábados, ou seja: dia 06 e 13 de março de 2021.  Isso merece registro.  Estamos vivenciando mais um fato histórico no nosso lugar que –  salve pesquisa mais aprofundada –  só encontrei apenas uma passagem nos arquivos em que a Feira Livre deixou de funcionar ( sábado –  completamente) ,   em virtude de questões sanitárias.

Falo do surto de cólera morbus no Brasil.

Foi ainda no inicio da segunda  metade do século XIX que ocorreram os primeiros casos em nosso País. A contaminação teve inicio no Estado do Pará e se alastrou pelas cidades portuárias, em função do forte deslocamento de navios. Pernambuco também teve seus dias de horror.

Consta nos livros que contam a história dos nossos antepassados que Vitória foi à porção territorial cujos efeitos da aludida praga se deu em maior vulto. Por aqui,  morreu muita gente. Pobre, rico, branco, preto, macumbeiro,  católico  e etc foram castigados sem distinção. Ao final, em dois meses de holocausto, calculou-se que um terço da população antonense tenha sucumbindo. Valendo salientar que no tempo pretérito pouco se sabia sobre a doença – atualmente também pouco se sabe sobre o COVID-19.

Na ocasião, pessoas enterravam um parente hoje, amanha,  não sabiam se estariam vivos. Com medo de perecer nas estradas, alguns católicos passavam o dia rezando ao lado das covas  abertas,   para não correr o risco de não serem  sepultados condignamente.

Conta-se, também, que foi nesse período, em função do caos instalado na recém criada cidade da Victória (1843), que a Feira Livre – principal alavanca econômica da época – TAMBÉM PAROU. Aliás, vale a pena lembrar: no ápice da crise, recomendou-se à população abandonar  o lugar, derrubar  os imóveis e atear  fogo no que restasse.

Portanto, estamos vivenciando mais um momento histórico na nossa cidade e, consequentemente,  oportuno à reflexão. A vida é dinâmica e os fatos corroboram…..Aos olhos do que conhecem e se interessam pelos acontecimentos,  TUDO É HISTÓRIA….

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *