Direção da AGTRAN: continua inativa e irracional!!!

Na tarde de ontem (30), por volta das 16h, em pleno “vuco-vuco” do nosso centro comercial, nossas lentes registraram, mais uma vez, a “famosa” carroça,  carregada de bancos de madeira,  trafegando no sentido contrário ao fluxo de veículo, pela movimentada Rua Senador João Cleofas.

Lembremos então: a referida via é a única opção disponível aos motoristas, pelo centro, no sentido Matriz/Livramento, ou seja:  na ligação dos dois mais importantes bairros da Vitória de Santo Antão só existe uma opção!

Mesmo após (quase) um ano no poder os novos gestores da AGTAN ainda não conseguiram apresentar algo novo aos munícipes. Não obstante seu diretor e auxiliares mais próximos estarem recebendo salários bastante expressivos  para cuidar  e pensar exclusivamente do trânsito da nossa cidade.

Ora!! Essa manobra – carroça subindo pela contramão – é uma das  marcas emblemáticas da incompetência e incapacidade gerencial da gestão anterior, na qual não conseguiu, em oito anos, buscar alternativas para essa “irracionalidade”, na chamada MOBILIDADE URBANA. Infelizmente o mesmo modelo gerencial continua.

As ações engendradas pelos nossos atuais gestores, no sentido da melhora do nosso trânsito, até agora, estão catalogadas como uma espécie de “CONJUNTO VAZIO”. A bagunça é reinante, faltam ideias e soluções que tenham como objetivo atenuar os efeitos nocivos da presença dos veículos, cada vez em maior número, na nossa  urbe.

O trânsito da nossa cidade, Vitória de Santo Antão, segue à deriva. Não temos planejamento, somos desprovidos de ações inteligentes e ainda por cima, circula a ideia nas mentes despreparadas,  que recebe dinheiro público para pensar  que,  se disciplinar, fiscalizar e organizar o transido, perde-se-á  sufrágios…….. Durma com uma bronca dessa!!!

Esta entrada foi publicada em A Lupa, Editorial. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *