Pirituba pede socorro!

Conforme denunciamos na semana passada, a comunidade de Pirituba foi abandonada pela atual gestão. Nossa reportagem esteve no local a pedido da Associação dos Moradores.

A Associação está completando vinte e cinco anos, sempre se reunindo no segundo domingo de cada mês em sua sede própria. A instituição teve como fundadora a Irmã Anunciada, pertencente as Carmelitas. Publicaremos durante esta semana, uma série de reportagens sobre aquela comunidade esquecida. Iniciaremos com o matadouro

Matadouro abandonado

Segundo a Chôcha, que trabalha há quinze anos no ramo, o matadouro está sem condições de trabalho: “tá ficando impossível de se trabalhar tô vendo a hora de um caldeirão desse cair em cima da gente na hora que estamos mexendo”.

A falta de uma serra elétrica também é apontada como um problema: “aqui ainda se mata o boi com serra manual, no dia quem tem trinta bois o trabalho fica complicado”. Nossa equipe de reportagem ainda constatou a falta de investimentos na estrutura do matadouro. Durante os últimos anos apenas uma parede foi levantada, por conta da chuva para não molhar as carnes, como também uma pintura foi realizada, com objetivo para cobrir a marca do governo passado. Nada mais.

O matadouro está em péssimas condições de higiene, não há uma padronização utilizada no abate, sem falar que os dejetos são despejados a céu aberto. Segundo informações de populares ouvidos pela reportagem, faltam produtos necessários  para fazer a limpeza do estabelecimento. “A Prefeitura recebe 25 reais por boi abatido aqui” – disse um deles, que pediu para não ser identificado.

A senhora Sebastiana Severina dos Santos, 65, que reside nas proximidades do matadouro, nos falou do seu sofrimento por causa do mal cheiro exalado do local, confira o seu depoimento no vídeo:

A Prefeitura precisa tomar alguma medida para resolver o problema. Não é só uma questão administrativa, é questão de Saúde Pública, afinal, nós vitorienses, muito provavelmente nos alimentamos de carnes abatidas nessas instalações. O que tem feito os vereadores que não acompanham situações como esta? O que fará o senhor prefeito para solucionar o problema? Acompanharemos de perto….

Com a palavra, o senhor prefeito…

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

11 respostas a Pirituba pede socorro!

  1. Tarcizio Silva disse:

    Nunca pensei em ver cenas como estas na nossa cidade. Como diria o jornalista Boris Casoy, ISSO É UMA VERGONHA!

  2. Diane disse:

    Axu q vou parar de comer carne! (detalhe: em Vitória)

  3. Bruno Ferraz disse:

    Gente, em pleno 2011 não deveria existir tal absurdo, principalmente em nossa cidade que passa por um periodo de transformação, como a vinda Sádia, Kraft etc.. Orgão como Vigilância Sanitaria e Adagro, onde estão? que ainda não fechou esse Matadouro! Estamos Comendo Carne Contaminada. Animais que são rejeitados no matadouro de Vitória, com doenças como Brucelose, Tuberculose e outras doenças contaminantes devem ir para o matadouro de Pirituba, já que não tem inspeção de qualidade nenhuma. Boa sorte , Pirituba.

  4. André disse:

    Pensei que fosse cena de Serra Leoa, Nigeria ou lugares assim, mas não, é aqui do lado de casa. PQP!

  5. silvio disse:

    esta e nossa vitoria de todos

  6. silvio disse:

    pilako me deixa de perguntar uma coisa estas fotos são aqui de vitoria porque meu amigo isto não e aqui não isto deve ser no sudão em serra leoa ou em guiné Bissal

  7. Pingback: Pirituba pede socorro (2): falta de Iluminação Pública |

  8. Paulo Fernando disse:

    Esse absurdo mostrado deveria ser denunciado para as autoridades sanitárias do estado, Promotoria do Estado, Gabinete do Governado, Imprensa falada, escrita e televisa.

    Não deve ser utiilizado como mais um tranpolim para galgar espaço na politica local. Porque de POLITIQUEIRO a nossa cidade de Vitória S.Antão já encontra-se bem abastecida.

    Amigos, donos desse Blog porque ainda não fora formalizada uma denúncia, porque a Associação de Moradores local, também não o fêz… acho que o problema não é somente o descalabro dos Poderes Executivo e Legislativo vitoriense -as demais instituições tem a mesma culpa e responsabilidades….

  9. silvia disse:

    Isso é uma vergonhaaaaa!
    Hoje moro no rio de janeiro mas morei no sitio lagoa de pedra com meus avós e minha mãe até meus 14 anos, hoje eles mora dentro de pirituba, visito minha terra natal todos os anos e agora no dia 30/12/11 quando cheguei vi dois lado da moeda: estava na calçada da minha vó quando passou um carro importado caríssimo logo orgulhosa pensei poxa, minha cidade esta arretada mesmo! logo disseram é o vereador!!! “Normal” normal pra mim até me interagi dos acontecimento local, matadouro de Pirituba esta fechado, por irregularidade e descaso dos órgão que administra. Logo decepcionada lembrei-me do carro importado que a vi passando pelas ruas (a roubaleiras dos piliticos sao as mesma em todos os lugares) Gente esse pessoal do matadouro só querem trabalham e nada mas… muitas dessas fateiras são minha conhecidas cheguei a ouvir uma delas e percebesse claramente o desespero e a revolta, elas só querem trabalhar e tira seus sustento para alimentar seus filhos, dignamente. A promotora esta correta em fechar, nas condições imunda e nojenta que se encontra esse recinto. Srº prefeito cadê os R$25,00 que a prefeitura recebia de cada boi morto ? creio eu que um novo matadouro já esteja pronto para esses machantes e fateiras possam trabalhar corretamente dentro das leis da fiscalização para a saúde não é? pq com a limpeza e a reforma nesse de pirituba o srº não gastou um centavo.
    Povo Vitoriensse chega de ficar reelegendo!!!!!!!!!

  10. Pingback: Prefeito “requenta” promessa | Blog do Pilako

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *