Marcos Sales: um bom depoimento….

Eu,  Marcos Sales,  também fui aluno dessa conceituada escola – Colégio de Pacas. Na época morava em Recife, no bairro de  Casa Amarela, e  minha mãe ficou viúva.  Meu pai era a coluna da casa e faleceu novo e  minha mãe ficou indefesa,  sem recursos para criar os filhos, logo foi orientada a procurar um colégio e eu meu irmão (Carlos) fomos internados no Instituto. Foi nessa escola que ficamos amparados e aprendemos muito. Lá,  logo fizemos amizades e  aprendi várias  profissões: fabricar colchão e  dirigir trator VALMET com um profissional Darlan,  e o meu irmão,  Carlos , tocava na banda musical com o Tenente Nicácio – por volta dos  ano de 73-74.  Devido a idade fomos transferidos para o colégio de Jangadinha,  em Cavaleiro Jaboatão dos Guararapes. Aos 17 anos a minha mãe,  Maria,  veio nos buscar para irmos marar  em São Paulo, local que até hoje moramos: cidade de Jundiaí.  Sou muito grato a Deus por haver feito  parte dessa escola, Instituto de Pacas. Entre outros,  conheci o Antônio de Pádua e  Castelo que tocava pistão.  Meu email é msales1961@gmail.com  e  hoje estou na presença de Deus:  um crente em Cristo Jesus!

Marcos Sales. 

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *