Prefeito de Vitória se reúne com vereadores e lideranças para debater a proteção dos animais.

 

O prefeito de Vitória de Santo Antão, Paulo Roberto (MDB), a pedido do vereador André Carvalho (PDT), se reuniu com lideranças e ativistas pelos direitos dos animais nesta quarta (17). Durante a discussão, foi debatida a carência de atuação pela saúde e proteção dos animais que o município tem. Também foi pontuado que a Lei Orçamentária Anual de Vitória (LOA) já prevê recursos para um Centro de Zoonoses.

O Centro de Zoonoses tem o propósito de controlar a população de animais abandonados, promovendo castração, vacinação, saneamento ambiental e adoção. Além disso, evita também que seres humanos se infectem com doenças transmitidas pelos animais. Estiveram presentes os representantes das ONGs Patinhas Unidas, SOS Aumigos e Corrente Pelo Bem dos Animais. Além deles, compareceram Péricles Tavares, presidente da Agência de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Evilson Rêgo, sec. de Planejamento e os vereadores Gold do Pneu (PTB) e André Carvalho (PDT).

O vereador André Carvalho se mostrou satisfeito em fazer parte do debate e de construir, junto com outras organizações, políticas públicas voltadas ao tema. “Segundo estudos de 2013, a cada R$ 1 investido na saúde animal, são poupados R$ 27 na saúde pública. Um Centro de Zoonoses, por exemplo, evita que uma pessoa fique doente e vá a um posto de saúde. Todo mundo sai ganhando”, pontuou o vereador.

Paulo Roberto se mostrou positivo quanto à proposta. “Realmente temos que ter o atendimento aos animais. Vamos voltar a ter essa condição do posto, castramóvel e criar a secretaria dos animais. Vamos correr atrás disso e vamos correr rápido”, afirmou o prefeito, porém disse que um estudo prévio precisa ser feito.

Projeto integrado e lei

Durante a reunião, a Corrente Pelo Bem dos Animais entregou ao prefeito um projeto criado pela própria ONG. A proposta em questão é uma política pública de proteção aos animais com o objetivo tanto de conscientizar como de promover ações e envolve ações integradas das secretarias, como Educação, Defesa Social, Saúde e Meio Ambiente. Tal projeto é inspirado em uma experiência bem-sucedida em Caruaru.

Em 11 de dezembro de 2013, a organização promoveu junto com a Câmara de Vereadores, o 1º Fórum de Defesa Animal de Vitória de Santo Antão. O evento foi acolhido e viabilizado pelo então presidente da Câmara de vereadores, o prof. Edmo Neves. O encontro reuniu autoridades e a sociedade civil para discutir ações de proteção aos animais do município. Na ocasião, o poder executivo não se fez presente.

Como produto resultante desse evento, foi publicada a Lei Nº 3.877, de 20 de dezembro de 2013, que instituiu a “Lei Municipal de Proteção aos Animais” estabelecendo normas para a proteção dos animais no Município da Vitória de Santo Antão, visando compatibilizar o desenvolvimento socioeconômico com a preservação ambiental.

ASSESSORIA DE IMPRENSA. 

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *