COVID-19: BRF – uma esperança para a população da Vitória de Santo Antão.

No conceituado blog do jornalista Jamildo Melo a notícia de que a BRF – uma das maiores companhias de alimentos do mundo –  promoverá doações na ordem de R$ 50 milhões em forma de alimentos, insumos médicos e apoio a fundo de pesquisa e desenvolvimento social, para contribuir com os esforços de combate aos efeitos da pandemia da COVID-19 mostra que nem tudo está perdido. Ainda segundo a aludida matéria, “a ação alcançará hospitais, Santas Casas, organizações de assistência social e profissionais de saúde nos estados e municípios em que a empresa possui operação”.

Vale destacar também, no que se refere à preocupação com o corpo funcional, relatado na matéria, a companhia está contratando mais de 2.000 pessoas, entre colaboradores próprios e terceiros, para manter a produção e o abastecimento e substituir os funcionários considerados do grupo de risco que foram preventivamente orientados a permanecer em casa.

Pois bem, todas e essas e outras providências que a companhia está tomando revelam uma  sintonia com o que ocorre no mundo e no Brasil,  em virtude da pandemia que estamos vivenciando nesse momento. Assim sendo, diante dessa espetacular iniciativa da BRF imagino que nossa cidade – Vitória de Santo Antão – também será contemplada com significativa ajuda, uma vez opera em nosso território uma das suas mais importantes unidades fabril.

Não custa lembrar que na nossa “aldeia” – e no seu entorno – não há um leito de UTI (adulto) para uma população estimada em 300 mil pessoas. Nossa rede pública de saúde não aguenta nem um “espirro”, imaginar,  então,  esse tal de coronavirus!

Na qualidade de nativo  – mais ou menos informado – acredito haver chegado a hora e o momento da referida companhia “abraçar” nossa cidade, até porque  há mais de uma década operando  em nosso solo certamente  ainda desconhece as boas causas antonenses. Possivelmente não sabe que a Vitória tem imprensa, que também tem grupos artísticos, um Instituto Histórico, um Glorioso  Padroeiro que se chamada Antão, um carnaval secular e etc.

Concluo, lembrando: “quem não vem pelo amor, vem pela dor”. Na qualidade de população, carente, antecipadamente, agradecemos pela mão estendida nesse momento de calamidade pública e caos mundial. Como diz o grupo musical Titãs, “A gente não quer só comida –  A gente quer bebida – Diversão, balé –  A gente não quer só comida –  A gente quer a vida –  Como a vida quer….

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a COVID-19: BRF – uma esperança para a população da Vitória de Santo Antão.

  1. Adelson disse:

    Meu amigo, a empresa por meio de trabalho voluntários de seus funcionários está presente nos lares de idosos e principais creches da cidade. quem não se engaja com a empresa é a prefeitura, que não ilumina as vias de acesso, e deixa os funcionários dos turnos noturnos em constante perigo. chega a ser vergonha para a cidade as entradas escuras, enfim. Agora que a empresa divulga essa ajuda, lembram que a cidade tem uma empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *