Coronavírus altera a rotina da Vitória de Santo Antão!!

Em conformidade com o governo do estado e outras prefeituras da Região Metropolitana, o prefeito da nossa Vitória de Santo Antão, Aglailson Júnior, no uso das suas atribuições, também decretou algumas medidas restritivas,  no sentido de conter o avanço da pandemia que assola o mundo,  nesse momento – CORONAVÍRUS.

O decreto, instrumento legal e constitucional, é uma das ferramentas que dispões o Poder Executivo para demarcar território e marcar  presença,  em determinadas situações. Se antes o noticiário televisivo já estava nos incomodando com tanta exposição sobre um problema originário lá do outro lado do mundo, agora, não adianta mais reclamar. Ele chegou….Agora, o mais prudente, é seguir as orientações das autoridades sanitárias e ponto final.

Segundo informações técnicas, o sistema de saúde pública nacional não tem a menor capacidade de atender a população caso  o aumento do contágio saia do controle. O menos mal disso tudo é que  os efeitos dessa contaminação não é tão grave assim, exceto nas pessoas com idade avançada.

Sem nenhuma ligação com os acontecimentos atuais,  nossa cidade, Vitória de Santo Antão, na primeira década da segunda metade do século XIX, vivenciou, em função de uma peste de cólera,  o seu pior momento. Registre-se que no auge da agonia, onde expressiva parte da população sucumbiu em um pouco espaço de tempo, falou-se até  em desocupar a cidade para em seguida atear-lhe fogo.

Hoje, os tempos são outros. Precisamos manter a calma e seguir as orientações dos agentes públicos de saúde para que nos próximos dias estejamos todos voltando às atividades normais.

Visualizar o Decreto Municipal.

decreto

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *