O mundo em toda parte – por Sosígenes Bittencourt.

Eu não posso ver o mundo do alpendre aqui de casa.
Eu sempre estou no centro da Terra.
Onde eu estiver, será sempre o centro do Universo.

Sosígenes Bittencourt

Esta entrada foi publicada em Fala, Vitória!. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *