Reunião da AVLAC – a preservação do sobradinho em debate.

Na manhã do domingo (16) aconteceu mais uma reunião ordinária da AVLAC – Academia Vitoriense de Letras, Artes e Ciência. Com uma pauta diversificada,  entre atos administrativos e planejamentos com vista aos próximos eventos, o encontro manteve o espaço do “momento acadêmico”.

Na ocasião, usei da palavra para realçar o abandono em se encontra o prédio que pertence ao governo pernambucano, localizado no Cabo de Santo Agostinho, que  serviu ao então governador do estado, o antonense José Rufino Bezerra – filho ilustre que foi governador  entre dezembro de 1919 até  março de 1922.

Na qualidade de visitante a estudante de Arquitetura e Urbanismo da UniFavip, Allana Ferraz, apresentou aos acadêmicos um trabalho técnico referente ao Sobradinho Mourisco – sede da AVLAC e único prédio remanescente da Vila de Santo Antão. O mesmo será apreciado e, em momento oportuno, será apresentado aos órgãos de preservação competentes.

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *