Academia Vitoriense de Letras: GALERIA DOS PATRONOS.

Com  reunião festiva, na manhã do domingo (08), aconteceu no histórico prédio do “Sobradinho” – Rua Imperial 81 – a inauguração da Galeria dos Patronos da AVLAC – Academia Vitoriense de Letras, Artes e Ciência.

Sob a coordenação do seu presidente – professor Serafim Lemos – o encontro cultural, por assim dizer, congregou  acadêmicos e convidados para exaltar a obra dos vinte e cinco santonenses que configuram-se  em objetos de estudos e pesquisas, no que se refere à vida e ao conjunto de conhecimento por eles legados às gerações vindouras.

Na ocasião, após o simbólico corte da fita inaugural, o acadêmico Pedro Ferrer usou da palavra para um breve histórico dos patronos. Veja os vídeos.

Com pouco mais de uma década de atuação na nossa cidade a AVLAC, entre outras coisas, se propõe a promover conhecimento e cultura na cidade de Diogo de Braga. Aqui e alhures não é tarefa das mais fáceis congregar pessoas que se propõe investir seu tempo e seus sempre curtos recursos financeiros em promoções culturais coletivas. Nesse contexto, porém, aos poucos e de maneira consistente, a AVLAC segue ganhando “corpo” e se materializando,  naquilo que imaginou o seu principal pensante e construtor: MELCHISEDEC.

Como nem sempre selecionar as melhores “cabeças” da cidade é possível, em função das distâncias naturais entre o mundo utópico e o mundo real,  algo próprio de quem pensa fora da caixa, a entidade, genuinamente vitoriense, segue na sua missão e na sua marcha. Afinal,  o tempo nunca esperou por aqueles que apenas viveu e vive no campo das ideias. Quando as ideias dialogam em sintonia com o agir o fato nasce ecologicamente, a vida floresce e o fruto – pouco ou muito –  alimenta a coletividade.

 

 

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *