“Seu” Beto da Super Oara: uma história inspiradora de amor a música!

Por ocasião da homenagem prestada pela ABTV – Associação dos Blocos de Trio da Vitória – ao senhor Egerton Verçosa do Amaral, mais conhecido por “Beto da Super Oara”, pela passagem dos 60 anos da orquestra que ele idealizou e fundou, na cidade sertaneja de Arcoverde – Super Oara – e que hoje ostenta o título da mais antiga banda de bailes no Brasil, gravamos um vídeo no qual o mesmo relata a forma como tudo começou.

Oriundo da pequena cidade de Carnaiba, “Seu” Beto, ainda muito jovem, foi ao Rio de Janeiro atraído pela música. Voltou a sua terra natal por dois motivos: assumir um emprego de “agente arrecadador” e para se casar com “Dona” Marlí, com quem vive até hoje e dividiu a criação dos dez filhos, muitos deles também seguiram a carreira da música.

A Orquestra Arcoverdense de Ritmos Americanos – Super Oara – avançou no tempo, conquistou o interior pernambucano e chegou às capitas do Nordeste para atravessar o Oceano Atlântico e se apresentar na Grécia, Japão e França. No Recife, em apresentação memorável, dividiu o palco com o instrumentista americano Ray Canniff.

“Seu” Beto, hoje com 85 anos de bem vividos, já passou o bastão para o seu filho, Elaque Amaral. Mas continua como uma das maiores referências do nosso estado, no que se refere ao profissionalismo e amor a causa.  Abaixo, portanto, segue o vídeo completo do seu histórico depoimento.

Esta entrada foi publicada em Editorial. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a “Seu” Beto da Super Oara: uma história inspiradora de amor a música!

  1. manoel carlos disse:

    Merece todas as nossas homenagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *