A bagunça continua nas construções irregulares

No último domingo (09) nossas lentes flagraram no terreno em frente à Compesa uma cena que há muito se esperava. Por ocasião dos “empreendimentos imobiliários” o muro junto com a barreira começou a cair.

Não é de hoje que alertamos as autoridades da Prefeitura: prefeito, vice-prefeito, o secretário de planejamento Barbosa (que é lá de cidade de Belo Jardim e atua como uma espécie de geretão na gestão do Governo de Todos), o secretário de obras e até fiscais, mas até agora, segundo informações de pessoas da localidade, ninguém recebeu sequer uma notificação, mostrando assim, que a gestão do Governo de Todos vem dando continuidade a bagunça implantada na era do Governo que Faz não sendo exclusiva na área “imobiliária”.

Esta entrada foi publicada em A Lupa, Editorial. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a A bagunça continua nas construções irregulares

  1. silvio felix disse:

    vamos ter calma que vai melhorar a paciência e uma virtude.afinal de conta o sofrimento e de todos a falta de dinheiro e de todos a conceira da bunda e de todos a burrice e de todos a alegria e de todos a tristeza e de todos a miséria e de todos a fartura e de todos o viagra e para todos o buraco e de todos a barreira e de todos a putaria e de todos o sálario de miséria e quase para todos suco de giló e de todos o trasito de vitoria e de todos a falta de estacionamento e de todos as fofocas e de todos . afinal de conta somos um toldo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *