Momento Cultural: Gás – por Stepham Beltrão.

Você chegou de mansinho

Com a calma de patrulheira

Com afeto e amor conquistou

Meu coração.

Tranquilamente você se achou

Uma verdadeira astronauta

Leu minha mão como se ela

Fosse uma carta náutica.

Agora quando penso em você

Minha boca fica doce

Meu espírito pede paz

Meu corpo pega fogo

Minha alma vira gás.

Esta entrada foi publicada em Fim de Semana Cultural. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *