Cineclube Avalovara exibe “BAD BOY BUBBY”

Dando continuidade às atividades deste ano e à nossa proposta de explorar os cinemas estrangeiros, domingo (20) nós desaguaremos na Oceania. O filme escolhido é o longa-metragem australiano “Bad Boy Bubby” (Rolf de Heer, 1993), uma metáfora sobre as relações e os valores que permeiam a vida em sociedade. Esta sessão promete muitas reflexões e incômodos, que entendemos serem importantes para pensarmos o mundo.

“Bad Boy Bubby” estreou no Festival de Veneza de 1993, arrebatando o prêmio do Júri Especial. Na Austrália, onde foi produzido, venceu o prêmio do Instituto Australiano de Cinema pelo roteiro, edição, direção e melhor ator.

O filme foi produzido com baixo orçamento e traz algumas inovações interessantes, como 32 diretores de fotografia e captação de som através de um microfone camuflado sobre a orelha de Bubby a fim de passar da maneira mais fiel possível o que o personagem ouviria na vida real. Eis um filme também para pensarmos cinema.

Vamos juntos então? Convida aí @s amig@s e chega lá!

O Cineclube Avalovara tem apoio do Museu do Instituto Histórico e Geográfico de Vitória de Santo Antão (IHGVSA) e da Federação Pernambucana de Cineclubes (FEPEC).

SINOPSE
Bubby tem 35 anos e nunca deixou a pequena casa onde nasceu. Desde pequeno sua mãe o fez acreditar que lá fora o ar era venenoso. Confinado ao cômodo minúsculo seu único companheiro era o gato de estimação, a quem freqüentemente torturava. Quando a mãe saía, Bubby era deixado sozinho e inerte, forçado a acreditar que a figura de Jesus na parede o delataria caso ele ousasse se mover. Se comunica como uma criança pequena, com frases curtas e repetidas. Viveu assim até o dia em que o inesperado aconteceu e finalmente pode conhecer o mundo.

SERVIÇO
Cineclube Avalovara apresenta “Bad Boy Bubby”
Classificação indicativa: 18 anos
Data e hora: 20/08/2017 (dom), às 17h
Local: Silogeu do IHGVSA
Entrada Franca

Esta entrada foi publicada em Editorial. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *