Pelotão do Ex Atiradores: Célio Meira.

Na história contada por Célio, no encontro dos ex atiradores para formação do Pelotão que desfilou com Tiro de Guerra no dia 7 de setembro, um dos atiradores aborrece-se com a “indefinição” da  ordem unida e deixou o Exército para sempre. Veja o vídeo:

Esta entrada foi publicada em Editorial. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *