Curiosidades Musicais: Djavan – por Leo dos Monges

Djavan Caetano Viana, nascido no dia 27.01.1949 em Maceió – Alagoas. Filho de uma mãe lavadeira. Queria ser jogador de futebol, mas o talento musical falou bem mais alto.

Foi na adolescência que despertou para o mundo musical, mas a família não queria porque achava que não daria em nada e que ele deveria seguir a carreira militar.  Revoltado saiu de casa aos 16 anos, indo pra Recife morar na casa de um primo. E foi trabalhar como Office-boy na fábrica de refrigerante crush. Ficou apenas um mês, deixou o emprego e ficou dois anos tocando viola na cidade e aos 18 anos resolveu voltar para a casa da mãe.

“Flor de Lis” circula na internet a seguinte estória:

Djavan teve uma mulher chamada Maria, os dois aguardavam uma filha que se chamaria Margarida, mas a mulher teve um problema na hora do parto e ele teria que optar por sua mulher ou por sua filha.

Ele pediu ao médico que fizesse tudo que pudesse para salvar as duas. Mas o destino foi duro e a mulher e a filha faleceram no parto.

A assessoria de Djavan informa que a estória não é verdadeira.

Flor de Lis

Valei-me Deus, é o fim do nosso amor
Perdoa, por favor
Eu sei que o erro aconteceu
Mas não sei o que fez tudo mudar de vez
Onde foi que eu errei? Eu só sei que amei
Que amei, que amei, que amei
Será talvez que minha ilusão
Foi dar meu coração com toda força
Pra essa moça me fazer feliz
E o destino não quis
Me ver como raiz de uma flor de lis
E foi assim que eu vi
Nosso amor na poeira, poeira
Morto na beleza fria de Maria
E o meu jardim da vida
Ressecou, morreu
Do pé que brotou Maria nem Margarida nasceu
E o meu jardim da vida
Ressecou, morreu
Do pé que brotou Maria nem Margarida nasceu

leo

 

 

Leo dos Monges

Esta entrada foi publicada em Curiosidades Musicais. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *