Jornal da Vitória: nota do seu editor, jornalista José Edalvo.

Caríssimo Amigo Pilako:

 Compromissado com a verdade histórica de nossa terra e de nossa gente, faço uso deste espaço para corrigir uma citação equivocada sobre o JORNAL DA VITÓRIA cometida pelo candidato a Prefeito entrevistado de ontem no programa “Lives de Entrevistas” dirigido pelo ilustre confrade, cujo entrevistado afirmou ter sido o primeiro anunciante do mencionado veículo de comunicação que tenho a honra de dirigir durante os 41 anos desde a sua fundação, em 5 de setembro de 1979.

 Na verdade, ele nem foi o primeiro, nem o segundo, nem o terceiro…  (Seguem anexas imagens das edições da época comprovando que o entrevistado prestou uma informação que não traduz a verdade histórica dos fatos).

Convém explicar que o primeiro número do Jornal, que inicialmente circulava como o nome A VOZ ESTUDANTIL, foi mimeografado e não teve nenhum anunciante;

O segundo número, composto e impresso tipograficamente pelas mãos do saudoso e ilustre Porfº. José Aragão Bezerra Cavalcanti, também não conteve nenhuma publicidade comercial;

A edição de número 3, porém, impressa em Linotipo, contou com a colaboração de 11 anunciantes, trazendo, portanto, 11 publicidades, sendo o “BUTANTÃ COLÉGIO E CURSO”, do grande professor JOSUÉ JOSÉ FERREIRA, o primeiro anunciante.

Sendo assim, solicito a divulgação desta informação, resgatando, assim, a verdade dos fatos.

 Certo da sua prestimosa atenção reitero votos de estima e consideração, enquanto aproveito o ensejo para parabenizá-lo pelo magnífico ‘Programa de Lives de Entrevistas“, resultante da sua dedicação, capacidade criativa e, sobretudo, do seu notório e inquestionável talento jornalístico.

  Que Deus continue a iluminar a sua caminhada de sucesso e de vitórias.

   Forte Abraço!

Jornalista José Edalvo, Diretor do JORNAL DA VITÓRIA.

Fotos com as respectivas legendas:

Capa da Edição de Número 1 do Jornal da Vitória que iniciou com o título A Voz Estudantil.

Como o jornal é mimegrafafo o texto não fica bem legível para enviá-lo via whatsapp, por isso estou lhe enviando apenas a primeira página.

Edição Número 2 Página 1

Edição Número 2 Página 2.

Edição Número 2 Página 3.

Edição Número 2 Página 4. Como bem se pode ver, não há nenhum anúncio. Segue agora a edição de número 3, com os primeiros anúncios publicados por este veículo de comunicação:

Está é a primeira rodada.

Está é a página 2

Está é a página 3

Está é a página 4. Portanto, o.jornal por si só comprova que a mensagem do entrevistado de ontem sobre o mesmo não traduz a verdade.

Esta entrada foi publicada em A Lupa. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a Jornal da Vitória: nota do seu editor, jornalista José Edalvo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *